GAY BLOG BR by SCRUFF

O Estação Net Botafogo, no Rio de Janeiro, recebe a mostra “Philippe Vallois: Cartografias do Desejo” de 26 a 28 de agosto. Ao longo dos três dias, serão exibidos filmes do precursor do cinema francês LGBTQIA+ e, além disso, será celebrado o aniversário de Philippe Vallois, que completa os 74 anos no dia 27 de agosto.

Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

O cineasta, que estará presente ao longo da programação, será homenageado com a mostra que apresenta preciosidades de sua filmografia, inéditas no Brasil. As sessões serão seguidas de debates com o diretor. Os ingressos estão à venda, por R$12,00, na plataforma Ingresso.com ou na bilheteria da Estação Net Botafogo.

Os longas “Johan” (1976), “Éramos um Só Homem” (1979), “Halterofilia: A Serpente Arco-íris” (1983),  “Um Perfume Chamado Said” (2006), “O círculo dos pervertidos” (2016), integram a programação da mostra. Com cinco décadas de carreira e 30 filmes realizados, essa é primeira vez que Vallois ganha uma mostra no Brasil, dedicada à sua extensa trajetória.

Confira a programação

Sexta-feira, 26 de agosto

“Johan”, de Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

20h30 – JOHAN (Johan, mon été) 1976

Sinopse: Quando Johan, um jovem ator principal de um filme, é preso pouco antes do início das filmagens, o diretor de cinema chamado Philippe empreende na busca por um ator substituto, perambulando por territórios da cidade de Paris ocupados pela comunidade LGBTQIA+. É considerado um dos primeiros filmes franceses a abordar com complexidade a efervescência da cultura gay local e a subjetividade desses corpos em meados dos anos 1970.

• Sábado, 27 de agosto

“Éramos Um Só Homem”, de Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

18h – ÉRAMOS UM SÓ HOMEM (Nous étions un seul homme) 1979

Sinopse: Durante os dias finais da Segunda Guerra Mundial, um simples camponês francês resgata um soldado alemão ferido e cuida dele até que ele se recupere. À medida que a camaradagem cresce, dois jovens que deveriam ser inimigos começam a se unir de maneiras que nem imaginavam ser possíveis.

“Halterolícia: A Serpente Arco-íris”, de Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

20h – HALTEROLÍCIA: A SERPENTE ARCO-ÍRIS (Haltéroflic) 1983

Sinopse: Um policial investiga a vida de um fisiculturista. Fascinado pelo atleta, o policial será levado em uma jornada de autodescobrimento.

• Domingo, 28 de agosto

“Um Perfume Chamado Said”, de Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

18h – UM PERFUME CHAMADO SAID (Un parfum nommé Saïd) 2006

Sinopse: Uma história de amor entre um cineasta francês e um jovem marroquino. Qual é a conexão entre Gérard e o destino de um país? O filme tenta construir uma resposta.

“Círculos do Pervertido”, de Philippe Vallois (Foto: Reprodução)

20h – CÍRCULOS DO PERVERTIDO (Les cercles du vicieux) 2016

Sinopse: Maio de 1973: Ao voltar do Festival de Cannes, um jovem caroneiro, perdido ao anoitecer, refugia-se numa fazenda onde um velho, que finge vir do futuro, afirma a sua homossexualidade.




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista gaúcho formado na Universidade Franciscana (UFN) e Especialista em Estudos de Gênero pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)