Ana Vilela protagoniza romance em seu novo clipe; assista ‘Pra Não Te Acordar’

Ana Vilela contracena com a atriz Luana Colpani no clipe

O clipe lançamento de Ana Vilela foi gravado em clima solar e frente a calmaria das ondas do mar do Rio de Janeiro. A trama protagonizada pela cantora e pela atriz Luana Colpani traz uma história de amor sem clichês. Em um clímax entre realidade e fantasia, o clipe de “Pra Não Te Acordar” apresenta visual dramático e artístico com um final surpreendente.

O lançamento pelo Slap, selo da Som Livre, rolou na última sexta, Dia do Orgulho LGBTQIA. A canção marca a chegada de uma nova sonoridade na carreira de Ana Vilela e também está disponível em todas as plataformas digitais.

Ana Vilela fala sobre a aposta em uma sonoridade mais vibrante, mas sem perder a sua essência, para seu segundo álbum. “Meu som está mudando, mas o intuito ainda é o mesmo: emocionar as pessoas. Acho que quando deixa de ser isso, as coisas perdem a graça. Essa música foi um presentão da Gisele de Santi, que nos enviou essa letra linda, com harmonia e melodia de Juliano Cortuah. A gente queria uma música que fosse leve, mas ao mesmo tempo passasse toda essa mudança que eu estou trazendo para o meu som”, declara.

  Ana Vilela contracena com a atriz Luana Colpani no clipe/Crédito: Patrick Gomes
Ana Vilela contracena com a atriz Luana Colpani no clipe/Crédito: Patrick Gomes
  Ana Vilela contracena com a atriz Luana Colpani no clipe/Crédito: Patrick Gomes
Ana Vilela contracena com a atriz Luana Colpani no clipe/Crédito: Patrick Gomes

Luana Colpani, atriz que apresenta semelhanças físicas com Sophie Turner, a Sansa Stark de Game of Thrones, foi a escolhida para viver um romance com a cantora no clipe. “A Luana é minha amiga há dois anos e não foi difícil pensar nela para este projeto, pois ela tem um astral incrível. Temos muita intimidade, o que para mim foi ótimo por conta das cenas íntimas, e eu queria me sentir confortável, além dela ser linda, né? (risos). Trabalhamos duro para que a música trouxesse uma história de amor que tocasse todo mundo e a gente espera que a galera sinta isso”, diz a cantora.

Sobre a data de lançamento ser no Dia do Orgulho LGBTQIA+, Ana conta que a definição foi uma grata coincidência e comemora a oportunidade. Já tem tempo que definimos essa data e agora com a proximidade ficamos super felizes com a coincidência. Não por ser estratégico comercialmente falando, mas porque eu sou parte da comunidade e é um presente poder colocar no mundo uma produção audiovisual que mostra uma história de amor de forma natural, tendo em mente que para muita gente essa questão ainda é um tabu. Nossa luta é para que cada vez mais isso seja visto como normal”, finaliza.

O single faz parte do segundo álbum de Ana Vilela, que aposta em um som mais vibrante e vai contar com outras faixas com as participações especiais do cantor Vitor Kley e do grupo de rap 3030. O projeto segue em andamento com previsão de lançamento para agosto e possui produção de Fernando Lobo e Juliano Cortuah.

“Pra Não Te Acordar” – Ana Vilela

Lançamento slap/Som Livre – 28 de junho/2019

Ficha-técnica
Teclados: Duda Folmmann
Arranjo, baixo, violões, vocal, teclados, beat e programações: Juliano Cortuah
Gravado e Mixado no Estúdio Nave 33 por: Juliano Cortuah
Masterizado por:  Felipe Tichauer

Letra

Pra Não Te Acordar

(Juliano Cortuah e Gisele De Santi)

Sorte é ver você sorrindo
Enquanto você tá dormindo amor
Será que sonha comigo
Não sei mas não ligo
E pra não te acordar eu nem respiro

Eu já tinha desistido dessa coisa de amor
Tava só me divertindo mas você me ganhou
Eu e você fechou

Tá de bobeira aquele que dispensa um amor assim
Se pensa que junto se perde as asas
E a liberdade chega ao fim
Não, não
A gente voa junto sim

Sorte é ver você sorrindo
Enquanto você tá dormindo amor
Será que sonha comigo
Não sei mas não ligo
E pra não te acordar eu nem respiro

Eu já tinha desistido dessa coisa de amor
Tava só me divertindo mas você me ganhou
Eu e você fechou

Tá de bobeira aquele que dispensa um amor assim
Se pensa que junto se perde as asas
E a liberdade chega ao fim
Não, não
A gente voa junto sim

Sorte é ver você sorrindo
Enquanto você tá dormindo amor
Será que sonha comigo
Não sei mas não ligo
E pra não te acordar eu nem respiro

Só você sabe o que o meu olho tá dizendo
Descanso meu corpo no teu que é todo um universo inteiro
E eu nem sei se eu mereço tanto assim
Mas agradeço sim

Sorte é ver você sorrindo
Enquanto você tá dormindo amor
Será que sonha comigo
Não sei mas não ligo
E pra não te acordar eu nem respiro