GAY BLOG BR by SCRUFF

This article is also available in: Español

A pandemia que parou o mundo não impediu que Gala se dedicasse à música. A cantora e compositora, conhecida por hits como “Freed From Desire”, que já conta com mais de 100 milhões de visualizações no YouTube e 43 milhões de reproduções no Spotify, faz questão de manter a sua liberdade autoral através de seu próprio selo, a Matriarchy Records.

Por email, a cantora italiana contou ao GAY BLOG BR que acaba de lançar “The Parallel Lines”, canção inédita e autoral.

“Queria compartilhar com vocês um projeto muito especial criado com a incrível Nina Paley. Como vocês estão tão abertos ao meu trabalho e colaborações, achei que poderiam apreciar particularmente a letra e o vídeo dessa música. Tudo feito com as limitações, mas também com o poder da união de artistas independentes. Estou particularmente orgulhosa deste projeto”, contou.

Aprecie:

O vídeo da música “Parallel Lines” é uma colaboração com a cartunista americana Nina Paley, que também trabalha com animação, além de ser palestrante do TED e ativista da cultura livre.

“Nina Paley é uma artista que tem uma história incrível”, elogia Gala. Paley criou o longa-metragem musical de animação “Sita Sings the Blues”, que foi exibido em mais de 200 festivais de cinema e ganhou mais de 35 prêmios internacionais, como o Festival Internacional de Cinema de Berlim, Festival de Cinema Tribeca e Independent Spirit Award.

Gala acrescenta que um vídeo sobre a canção, uma espécie de “behind the scenes”, que foi filmado por Francesca Pagani, em que a artista consagrada fala sobre o processo criativo por trás da composição e a razão pela qual sentiu o desejo de lançar a música durante os tempos atuais de pandemia. O video inclui trechos do videoclipe de “Parallel Lines” e de outras animações premiadas de Nina Paley.

“Parallel Lines” foi lançado em 15 de fevereiro e já se encontra disponível em todas as plataformas, como Spotify.

LETRA

PARALLEL LINES
By Gala Rizzatto and Jesse Ruben

I feel the heat
of your skin against mine
As we lie back to back
In our bed

We fall asleep
pretending it’s fine
As we lie to each other
instead

Do you stay just because you’re scared
do I fake a love that isn’t there?

you’re always with ME
but never really mine
feels as if we
never meet

parallel lines

what’s left of the sweetness
that lingers between us
gets silenced
by too much regret

we are wrapped in these sheets
where our dreams were defeated
we both fall asleep
to forget

I don’t know what has kept us here
is it love or is it only fear?

you’re always with ME
but never really mine
feels as if we
never meet

Parallel lines, Parallel lines B

I wish we could actually look at each other
at least we’ve been trying to keep it together
we laughed and we traveled , why did it unravel ?
constantly fighting to make it all better we’re running out of time

parallel lines

You’re not staying just because you’re scared
and I can’t fake a love that isn’t there

Always with me
I wish that you were mine
why can’t we
ever meet?

I feel the heat
of your skin against mine
while our love
hangs by a thread

I dream of
parallel lines intertwined
as we fall asleep
instead

This article is also available in: Español

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.