GAY BLOG BR by SCRUFF

Com shows, rodas de conversa e oficinas, o Rolezinho BixaNagô acontece neste sábado e domingo, dias 19 e 20 de junho, de forma gratuita e online. O evento, que geralmente ocorria como um esquenta do Festival BixaNagô, chega neste Mês do Orgulho LGBTQIA+ reformulado com mais foco em debates e apresentações artísticas.

No sábado (19), a partir das 19h, a multiartista nordestina Bixarte apresenta suas faces na arte em um show imperdível. A paraibana é também compositora, poetisa e rapper e foi a primeira travesti vencedora do Festival de Música da Paraíba. A artista é reconhecida, sobretudo, por cantar e recitar sobre suas vivências e dores, anseios e paixões embalados no rap, funk e etnopop.

Já na noite do domingo (20), também às 19h, é a vez da paraense Nic Dias trazer sua arte voltada ao protagonismo das mulheres negras em um show repleto de suas canções e lírica nortista periférica, misturando flows do trap ao boombap. Nic é conhecida por suas letras sobre autoestima e sonhos da população negra e, não menos importante, por acreditar na arte como instrumento de mudança.

Rolezinho BixaNagô acontece nos dias 19 e 20 de junho com shows de Bixarte e Nic Dias, mesas sobre HIV/Aids com convidados especiais e oficinas
BIXARTE – Foto por Luigi Apolinário

Vamos falar sobre HIV?

Uma das principais propostas do Rolêzinho BixaNagô desta edição é comunicar e conscientizar a população sobre metodologias de prevenção, cuidado e formas de se pensar a longevidade de pessoas vivendo com HIV e a partir de uma perspectiva preta e periférica.

No sábado (19), das 17h às 18h30, a mesa “Comunicação da Aids: do ‘use camisinha’ à comunicação entre pares” traz os convidados Deymison Pinheiro e Maria Adrião para um bate-papo com mediação de Ezio Rosa e Marcelo Morais. Desde a chegada dos primeiros casos de HIV no Brasil, muitas propostas de comunicação foram utilizadas, desde as mais clássicas, como o “Use camisinha” até formas mais lúdicas, com intervenções, performances e campanhas midiáticas de grande alcance.

Nos últimos anos, tem-se experimentado os resultados de uma metodologia chamada “comunicação entre pares”, que pressupõe o mínimo de proximidade identitária entre os grupos de prevenção. Nesta mesa, a consultora Maria Adrião trará elementos históricos da comunicação voltada para HIV e juntamente ao médico infectologista Dyemison Pinheiro irão construir um diálogo acerca da comunicação entre pares e seus resultados.

O papo continua no domingo (20), também das 17h às 18h30, na mesa “Coletivos e formas de organização da AIDS: a vida em bando”. Mediada também por Ezio Rosa e Marcelo Morais, a conversa traz Raul e Emer (Preto Positivo), Lili Nascimento (Coletiva Loka de Efavirenz) e Félix Pimenta (Coletivo Amem).

Os coletivos vão apresentar as suas estratégias de organização e construção de redes e quais os formatos que estão construindo para se manterem vivos nesse momento em que a política de estado é pautada na morte e exclusão.

Oficinas

Toda programação online do Rolezinho Bixanagô é apoiada pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo através do Programa de Valorização a Iniciativas Culturais – VAI. Neste fim de semana, compõem ainda o evento oficinas de turbantes, tranças, moda upcycling e funk/passinho com convidados, como Felipe Preto, Ezio Rosa, Babiy Querino, Renata Prado e Raulley Oliveira. A participação é gratuita e requer inscrição prévia até o fim da sexta-feira, 18 de junho.

Confira a programação:

OFICINA: TURBANTE
Participantes: Ezio Rosa
Quando: 19 e 20 de junho, sempre das 11h00 às 13h00

OFICINA: TRANÇAS
Participantes: Felipe Preto
Quando: 19 e 20 de junho, sempre das 11h00 às 13h00

OFICINA: MODA UPCYCLING
Participantes: Raulley de Oliveira
Quando: 19 e 20 de junho, sempre das 15h00 às 17h00

OFICINA: FUNK/PASSINHO:
Participantes: Renata Prado e Babiy Querino
Quando: 19 e 20 de junho, sempre das 15h00 às 17h00

SERVIÇO

Rolezinho BixaNagô – ONLINE
Quando: 19 e 20 de junho, sábado e domingo
Onde: Transmissão no canal do Festival BixaNagô no YouTube
Instagram: @festivalbixanago

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF possui mais de 15 milhões de usuários no mundo todo. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os LGBTs que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. Baixe o app SCRUFF diretamente deste link.