GAY BLOG BR by SCRUFF

Após muita especulação de fãs de “Stranger Thrings”, o ator Noah Schnapp confirmou que Will, personagem interpretado por ele na série, é gay. Em entrevista à Variety, ele comentou sobre o assunto e como  a sexualidade de Will é sugerida ao longo das quatro temporadas do seriado. 

Noah Schnapp como Will (Foto: Reprodução)

Está bem claro nesta temporada que ele tem sentimentos por Mike (Finn Wolfhard)” afirmou Schnapp. “Eles têm intencionalmente puxado isso para fora nas últimas temporadas. Mesmo na primeira temporada eles sugeriram isso e, lentamente, cresceram esse enredo”, complementou o ator.

Em seguida, Schnapp disse à Variety  que Will “ama o melhor amigo dele, mas luta para saber se ele será aceito ou não, e se sente um erro, como se não pertencesse. Will sempre se sentiu assim.”

Mike, Will e Eleven (Foto: Reprodução)

O ator também falou que uma cena mostrada na última temporada, quando Will conforta Mike sobre o relacionamento com Eleven (Millie Bobby Brown), confirma os sentimentos dele pelo seu melhor amigo.

Eu estava meio que descobrindo isso junto com o público […]. Agora está 100% claro que ele é gay e ele ama Mike. Mas antes, era um arco lento. Eu acho que é feito tão lindamente, porque é tão fácil fazer um personagem de repente ser gay“, pontou o ator.

Até então, Schnapp evitou confirmar a sexualidade do personagem. Em outras entrevistas, o ator chegou a falar que a sexualidade de Will era de “interpretação do público.” À revista, ele admitiu que falava isso para evitar spoilers.

Mike e Will (Foto: Reprodução)



Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista gaúcho formado na Universidade Franciscana (UFN) e Especialista em Estudos de Gênero pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)