Ibope e Nossa São Paulo divulgam pesquisa sobre LGBTQI+ na cidade

5 em cada 10 entrevistados já presenciaram situações de preconceito contra LGBTQI+ em espaços ou transporte público da cidade, segundo o Ibope

Paulistanos são favoráveis à criminalização da LGBTfobia? A administração municipal tem feito muito, pouco ou nada para combater a violência contra a população LGBTQI+?

Estas questões fazem parte da pesquisa “Viver em São Paulo: Direitos LGBTQI+“, realizada pela Rede Nossa São Paulo em parceria com o Ibope Inteligência. O levantamento traz dados sobre a percepção de paulistanas e paulistanos em relação à vida das populações LGBTQI+ na cidade de São Paulo.

Em 2018, a pesquisa indicou que a capital paulista é uma cidade hostil à população LGBTQI+. Por mais 5% da população paulistana se assume ser LGBT+, segundo a pesquisa, chama a atenção o fato de 5 em cada 10 entrevistados(as) já terem vivenciado ou presenciado situações de preconceito contra LGBTQI+ em espaços ou transporte público da cidade.

A evolução desses e outros dados foi divulgada no levantamento de 2019.

Ibope e Nossa São Paulo lançam pesquisa sobre direitos LGBTQI+ na cidade
Foto: G1

A pesquisa faz parte da série “Viver em São Paulo”, iniciada em 2018 em parceria com o Ibope, que apresenta mensalmente dados com recortes temáticos sobre a percepção, hábitos e opiniões das pessoas que moram na cidade de São Paulo.

IBOPE

A IBOPE Inteligência (anteriormente Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) é uma das maiores empresas de pesquisa de mercado da América Latina. A empresa fornece um amplo conjunto de informações e estudos sobre opinião pública, intenção de voto, consumo, marca, comportamento e mercado, no Brasil e em mais 14 países. Em 2014, teve a divisão de pesquisa de mídia adquirida pelo grupo Kantar, formando a Kantar Ibope Media. Como consequência, muda seu nome. De “IBOPE” passou a se chamar “IBOPE Inteligência”, com o intuito de diferenciar as duas empresas.

O nome da empresa virou gíria comum no Brasil e é um verbete oficial do dicionário brasileiro, além de constar como sinônimo de audiência e prestígio.