Paródia de Frozen é o melhor hino da semana: ‘Poc Sou’

O canal do Youtube da poc UmBipolar já é especialista em paródias. No clipe, a voz é de Meiryelle Martins

LETRA:

Não aguento mais, todos rindo de mim
Todo dia é assim
Já chega de preconceito
E respeita as Drag Queen
Eles já falam que tem viado demais
Se tu reclamar, nascem dois a mais

Respeita as trans, respeita as bi
Sapatão e as manas travesti
Não escutei, o que tu falou
Fui ver Rupaul

Poc sou (2x) sou bicha com muito amor
Poc sou (2x)
Sou closeira sim senhor
Vou fazer, o que eu quiser
Sou bonita eu sei
Agora faz carão porque militei

Não vem mexer com as bicha
Homofobia é uó
Porque a gente anda em bando
Não mexe como uma só

Eu sou pintosa, monamour
vamos dominar o mundo
As gay as trans, e as travesti
E as bi

Poc Sou, poc Sou
Sou bicha eu sou eu demais
Poc poc, poc sou
Have no tear left to cry

Vou fazer, o que eu quiser
Sou bonita eu sei

As bicha surge pelo ar e pelo chão
Não tem mais jeito, se não aceitar tem que aturar
Levante a voz e grite alto se puder
A gente é bicha sim, vai larga do meu pé

Poc sou, poc sou, vai levanta sua mão pro céu
Poc sou, poc sou, vai arrasa meu amor
Aprendeu, o que eu te ensinei
Bicha arrasou!
Agora faz carão porque militei.

Letra e edição: UmBipolar
Voz: Meiryelle Martins

O Reino do Gelo
Frozen é um filme de animação musical estadunidense, o 53.º animado dos Clássicos Disney produzido pela Walt Disney Animation Studios e distribuído pela Walt Disney Pictures. Inspirado pelo conto de fadas A Rainha da Neve, de Hans Christian Andersen, narra as desventuras das irmãs reais de Arendelle. A mais jovem, princesa Anna (Kristen Bell), parte em uma jornada com Kristoff (Jonathan Groff), um homem da montanha, sua leal rena de estimação (Sven) e Olaf (Josh Gad), um boneco de neve que sonha em experimentar o verão, para encontrar sua irmã a Rainha Elsa (Idina Menzel), cujos poderes congelantes transformaram o reino onde vive em um inverno eterno.

A história de A Rainha da Neve esteve em desenvolvimento na Disney Animation durante boa parte da sua história: 74 anos, mas nenhuma das versões idealizadas durante este longo período saiu do papel, porque os roteiristas não sabiam como fazer o público se relacionar com os personagens pouco críveis e desenvolver a personalidade abstrata da Rainha da Neve. O projeto foi revitalizado em 2011, quando Chris Buck foi escolhido para a direção e ficou decidido que a Rainha da Neve seria irmã da heroína (Anna), criando uma relação real para as duas personagens principais. Em 2012, Jennifer Lee assumiu o roteiro e codireção, e junto com as canções de Robert Lopez e Kristen Anderson-Lopez, seriam responsáveis por estabelecer uma personalidade humana para a Rainha da Neve, Elsa, que até então era uma vilã unidimensional. No fim deste ano, o título inicial The Snow Queen (A Rainha da Neve) foi alterado para Frozen.