o Bloco MinhoQueens, um dos favoritos do Carnaval paulistano e o primeiro bloco drag queen do país, realiza no dia 27/06, das 19h às 23h, mais uma live através da plataforma Zoom, ressaltando a importância do isolamento social, sem deixar a diversão de lado.

o Bloco MinhoQueens, um dos favoritos do Carnaval paulistano e o primeiro bloco drag queen do país, realiza no dia 27/06, das 19h às 23h, mais uma live através da plataforma Zoom, ressaltando a importância do isolamento social, sem deixar a diversão de lado.   A festa será comandada pela drag queen Mama Darling, rainha do bloco e pelos seus DJs Will Medeiros e Luís Giusti, todos organizadores. O set ainda inclui outros DJs de festas parceiras, como Fernanda Tiozo (Baile Risca Fada), Jorr Minoru (Meu Santo é POP) e Paola Cadillac (também do Bloco MinhoQueens).   Nesta edição, a festa contará com a participação especial da drag queen Kika Boom, que fará um pocket show ao público. Kika Boom se apresentou no último desfile do bloco e, atualmente, é uma das principais artistas drag do país.   O esquema funcionará da mesma forma que os eventos anteriores, onde o participante acessa o evento através da plataforma Sympla (http://www.sympla.com.br/minhoqueens-do-orgulho-lgbtqia__881755 ) e retira seu ingresso e código gratuitamente para acessar o evento. A capacidade de pessoas é restrita pelo Zoom a 300 participantes.   Nesta edição, o Bloco enfatiza a importância da solidariedade à comunidade LGBTQIA+ diante da crise que ainda prejudica inúmeras pessoas e instituições. Para ajudar, o folião pode realizar sua doação diretamente na retirada do ingresso no Sympla através da opção "Contribuição ONG" ou durante a live por meio do QR Code. As doações serão direcionadas à Organização Social Identidade Periférica, em Cidade Tiradentes, que realiza atividades e ações sociais à população local.   A live conta com a colaboração de parceiros, como Icone Drag, Como tá o Rolê e Centro Cultural da Diversidade, parceiros essenciais para a realização deste formato.

A festa será comandada pela drag queen Mama Darling, rainha do bloco e pelos seus DJs Will Medeiros e Luís Giusti, todos organizadores. O set ainda inclui outros DJs de festas parceiras, como Fernanda Tiozo (Baile Risca Fada), Jorr Minoru (Meu Santo é POP) e Paola Cadillac (também do Bloco MinhoQueens).

Nesta edição, a festa contará com a participação especial da drag queen Kika Boom, que fará um pocket show ao público. Kika Boom se apresentou no último desfile do bloco e, atualmente, é uma das principais artistas drag do país.

O esquema funcionará da mesma forma que os eventos anteriores, onde o participante acessa o evento através da plataforma Sympla (http://www.sympla.com.br/minhoqueens-do-orgulho-lgbtqia__881755) e retira seu ingresso e código gratuitamente para acessar o evento. A capacidade de pessoas é restrita pelo Zoom a 300 participantes.

Nesta edição, o Bloco enfatiza a importância da solidariedade à comunidade LGBTQIA+ diante da crise que ainda prejudica inúmeras pessoas e instituições. Para ajudar, o folião pode realizar sua doação diretamente na retirada do ingresso no Sympla através da opção “Contribuição ONG” ou durante a live por meio do QR Code. As doações serão direcionadas à Organização Social Identidade Periférica, em Cidade Tiradentes, que realiza atividades e ações sociais à população local.

A live conta com a colaboração de parceiros, como Icone Drag, Como tá o Rolê e Centro Cultural da Diversidade, parceiros essenciais para a realização deste formato.

Google Notícias