O ator Trevor Donovan, que participou da série “90210” (2008-2013), que é continuação do popular “Barrados no Baile” (1990-2000), disse que seu personagem Teddy, primeiro personagem gay da franquia, “mudou sua vida”.

- CURTA A PÁGINA DO FACEBOOK -

“Nada foi feito de maneira gratuita, só para chocar. Os produtores lidaram muito bem com essa história toda. Eu fiquei nervoso quando soube [que Teddy ia se assumir], mas foi a melhor decisão que já tomei na vida, e tive uns anos muito bons fazendo a série” – disse, em entrevista ao canal Notícias da TV.

Ator que fez primeiro gay em Barrados no Baile comenta a importância da representatividade
Reprodução

Antes da continuação de Barrados no Baile, Trevor tinha feito a novela Days of our Lives. A ideia inicial era que Teddy, que chegou na segunda temporada, fosse um tenista mulherengo e que participaria de poucos episódios, porém foi ganhando destaque e eventualmente se integrou ao elenco fixo.

“Quando consegui o papel, eu achei que faria só três episódios. Eles me contrataram para três, depois adicionaram mais dois ou três, depois mais cinco… Eu fiquei empolgado de continuarem me trazendo de volta e poder fazer parte disso”.

Reprodução

A partir da terceira temporada, os produtores fizeram com que o personagem passasse a ter inseguranças com a sexualidade.

“Os produtores me ligaram no hiato, entre a segunda e a terceira temporadas, e disseram que estavam pensando em tirar o personagem do armário. Eu passei uns dois dias pensando e voltei com a ideia de contar uma história sobre quão difícil é se assumir, especialmente no colegial. Eles me mostraram o que tinham planejado para esse arco, e era a mesma coisa, estávamos em sintonia” – diz.

Reprodução

Para compor o personagem, Donovan conversou com pessoas conhecidas que eram homossexuais e pediu explicações sobre todo o processo.

“Isso me ajudou a ter uma perspectiva. E eu tentei trazer humanidade, mostrar a dificuldade, o quanto ele sofria com isso. Era difícil se assumir para amigos e familiares, mas antes disso tudo ele precisava encarar a si mesmo. Essa luta interna foi o mais importante para mim, quis focar no quão complicado é ser honesto com você mesmo” – explica.

Donovan também comenta sobre a importância da representatividade, considerando que a série tinha como público-alvo os adolescentes e, segundo, ele, muitos procuraram ele por enfrentarem a mesma situação de seu personagem. O ator diz que essa foi “uma das maiores recompensas que ele teve com o papel”. 

Reprodução
Ator que fez primeiro gay em Barrados no Baile comenta a importância da representatividade
Reprodução
Google Notícias
Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".