GAY BLOG BR by SCRUFF

Os atores da série pioneira em abordar o universo LGBT na TV norte-americana, Queer as Folk, vão se reunir em um evento beneficente virtual para ajudar pessoas da comunidade afetadas pela pandemia nos EUA.

O evento será no dia 1 de maio e será transmitido ao vivo. Já o dinheiro arrecadado irá para o CenterLink, instituição que reúne vários centros comunitários LGBT. Nessa época da pandemia do coronavírus, a instituição tem focado suas atenções para pessoas em situação de vulnerabilidade, como idosos, sem teto e outros grupos de risco.

Já os atores que farão parte do evento são Scott Lowell, Sharon Gless, Peter Paige, Michelle Clunie, Hal Sparks, Randy Harrison e Robert Gant. Os autores da série, Ron Cowen e Dan Lipman, também estarão presentes. Relíquias do seriado também serão leiloadas.

Queer as Folk foi a primeira série da TV norte americana a abordar o universo LGBT e até hoje é uma das mais populares. Foto: Reprodução
Queer as Folk foi a primeira série da TV norte americana a abordar o universo LGBT e até hoje é uma das mais populares. Foto: Reprodução

QUEER AS FOLK 

A versão que conhecemos é uma produção canadense e norte americana iniciada no ano 2000 e finalizada em 2005, sendo adaptação da série de mesmo nome surgida na Inglaterra em 1999.

A série procura retratar o universo LGBT, em especial dos homens gays, e seus diversos segmentos, como o menino jovem gay que se apaixona; o outro que só quer sexo sem compromisso; o afeminado e também um casal de lésbicas.

Sendo um marco na luta dos direitos LGBTs, Queer as Folk também abordou diversos assuntos que até hoje são polêmicos, como uso recreativo de drogas e muitas vezes abuso, casamento gay, adoção por casais homoafetivos, prostituição, uso de anabolizantes, HIV, discriminação no ambiente de trabalho devido a orientação sexual e até homossexualidade entre os padres da igreja católica.

A orientação sexual dos próprios atores também foi alvo de muita especulação do público, mas ao longo dos anos vários deles comunicaram em entrevista.Sabe-se que Randy Harrison (que interpreta Justin), Robert Gant (Ben) e Peter Paige (Emmet) são gays, enquanto Hal Sparks (Michael) é hétero.  Entre as mulheres, Thea Gill (Lindsay) se declarou bissexual, enquanto Sharon Gless (Debbie) disse ser hétero.

No Brasil foi transmitida pelo canal a cabo Cinemax e era chamada de “Os Assumidos“.

Tese de mestrado da UNESP se baseia nas cinco temporadas do seriado ‘Queer as Folk’

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"