GAY BLOG BR by SCRUFF

No último dia 22 de novembro, o cantor Caetano Veloso foi “cancelado” na internet por ter publicado em seu Twitter o termo “reprodução heterossexual”, ao parabenizar seu filho, Moreno Veloso, pelo seu aniversário.

“Hoje, 22, é aniversário de Moreno. Parabéns. Parabéns à vida, a reprodução heterossexual, ao mundo que ganhou um habitante tão luminoso” – escreveu.

Após toda a repercussão, Caetano Veloso fez uma série de tweets explicando todo o ocorrido.

“Contam-me que causou alguma revolta o fato de eu ter celebrado a reprodução heterossexual no meu post sobre o aniversário de Moreno. Gozado: só me ocorreu mencionar esse aspecto da real forma em que Moreno foi concebido por estar em contato intenso com a obra do filósofo transgênero Paul B. Preciado (o B. em seu nome é de Beatriz, que é como ele se chamava quando era mulher).

Ele e eu dividimos uma mesa na @flip_se [Festa Literária Internacional de Paraty], que este ano vai ser online e grátis. Festejar o nascimento de uma pessoa pressupunha que a concepção que tivera origem num ato heterossexual.” escreveu Caetano Veloso.

Caetano Veloso explica por que usou o termo "reprodução heterossexual"
Reprodução

“Esse fato não precisava ser marcado: era ‘natural’ e, portanto, pressuposto. Vivendo mais intensamente a realidade do mundo contemporâneo, ocorreu-me marcar essa especificidade do modo como Moreno foi gerado” – continuou

“Hoje você pode ser lésbica e ter uma mulher que desenvolve no útero dela a criança formada por um óvulo seu e o espermatozoide de um amigo (ou de um anônimo) que não teve nenhuma participação nas atividades sexuais de vocês duas. Dois homens, amantes entre si, podem promover o nascimento de um rebento com o sêmen de um deles mais o óvulo de uma barriga de aluguel. Há mil (e haverá mais) maneiras de se planejar reprodução sem ato hétero. Meu lado homo orgulha-se de ver admitido publicamente que a reprodução heterossexual é, hoje, uma forma entre outras” – finaliza.

A mesa da Flip será no próximo dia 5 de dezembro, às 20h30.

Com informações de O Globo.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".