GAY BLOG BR by SCRUFF

Na última sexta-feira (24), o Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol realizou audiência para homologar a Transação Disciplinar acordada entre Cruzeiro e Procuradoria da Justiça Desportiva no processo por cânticos homofóbicos entoados na partida contra o Grêmio, no dia 8 de maio deste ano, no Independência, pela 6ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

A Transação proposta pela Procuradoria prevê o pagamento de multa de R$ 30 mil do clube mineiro, sendo R$ 15 mil em medida de interesse social e R$ 15 mil destinado à CBF além de ações obrigatórias de conscientização contra a homofobia.

Torcida do Cruzeiro (Foto: Washington Alves)

Outras ações de caráter educativo devem ser feitas pelo clube, como: braçadeira de capitão nas cores do arco-íris; bandeirinhas de escanteio nas cores do arco-íris; postagens nas redes sociais de combate a LGBTfobia; publicação especial no site oficial sobre o tema e no dia do “Orgulho LGBT” – 28 de junho; reunião com as torcidas organizadas do clube, para realizar um trabalho de conscientização sobre cânticos.

Em audiência, o auditor Maurício Neves Fonseca acrescentou mais uma medida em que o Cruzeiro, quando mandante das partidas na Série B, deverá exibir campanha no telão do estádio antes do início das partidas e nos intervalos, contendo mensagens de conscientização contra a discriminação, a fim de que os seus torcedores não prejudiquem a sua equipe.

(Foto: Reprodução)

Primeira vez que o STJD faz uma audiência de Transação e exatamente devido o assunto de grande importância e muito debatido hoje pela sociedade civil. Precisamos tomar atitudes enérgicas e pedagógicas objetivando plantar a semente de alguma atitude real contra qualquer tipo de preconceito descrito no artigo 243-G“, afirma o auditor.

A audiência contou com a presença de representantes do Grupo Arco-Íris. LBGTI +, que atua em defesa dos direitos humanos no Brasil e luta pelo direito de participação em audiências no STJD há 5 anos. “O público LGBTI+ também gosta de futebol e torce pelo seu time. A decisão de hoje vai além de multas, trabalha na perspectiva de medida pedagógica“, afirma Claudio Nascimento, presidente do Grupo Arco-Íris




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista gaúcho formado na Universidade Franciscana (UFN) e Especialista em Estudos de Gênero pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)