Frota sugere Pabllo Vittar no lugar da Damares como Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

"Vittar tem vergonha de ser brasileiro por causa do Bolsonaro", disse Alexandre Frota. "Você no lugar da Damares faria muito melhor", continuou

Após a revista Time ter apontado Pabllo Vittar como uma das 10 pessoas como “líderes da próxima geração”, Alexandre Frota, atualmente no PSDB, aproveitou para recomendar o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos para a cantora.

“Pablito Vittar (sic) tem vergonha de ser brasileiro por causa do Bolsonaro. Pabllo Vittar, não tenha vergonha de ser brasileira, e sim de ter o Bolsonaro como presidente. Entre na luta para tirá-lo. Você no lugar da Damares faria muito melhor”, comentou Frota em seu Twitter.

loja das pocs damares
Foto: Loja das Pocs

BOLSONARO É CRITICADO PELA TIME

Em reação à repercussão da publicação da Time, Vittar já havia se pronunciando endossando as críticas da revista ao Bolsonaro:

“Às vezes, sinto muita vergonha de ser brasileira por causa desse presidente. As pessoas estão morrendo. As pessoas estão tendo suas casas e direitos retirados”, disse Pabllo.

“Cada vez o clima fica mais tenso no Brasil. Eu não sei o que acontece. Todos os dias eu peço a Deus proteção pra mim, pra minha família, pros meus amigos e pros meus fãs que têm que sair na rua e trabalhar e se submeter a esse tipo de risco. Porque pra mim isso é um risco. No Brasil, ser artista LGBTQ é matar um leão a cada dia. Todo dia você tem que se provar que pode e mostrar pras outras pessoas isso”, disse ao UOL. “Quero continuar indo em lugares que ainda não fui, que precisam dessa mensagem, desse brilho, desse conforto. Continuar fazendo minha música, levando essa mensagem e, quem sabe, até ganhar um Grammy”, finalizou.