Pessoas trans que fizeram o ENEM têm 32 vagas reservadas na Universidade Federal do ABC

O ingresso em 2019 nos Bacharelados Interdisciplinares da UFABC será realizado por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

A Reitoria da FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL do ABC tornou público o processo
para ingresso nos Bacharelados Interdisciplinares em 2019, conforme disposições previstas na Resolução ConsEP nº 70, de 24 de junho de 2010, que normatiza o processo seletivo para acesso aos Bacharelados Interdisciplinares da UFABC.

UFABC – Universidade Federal do ABC será a primeira universidade a oferecer 32 vagas para pessoas autodeclaradas transgêneras através do SISU – Sistema de Seleção Unificada – e isso possibilitará que as inscrições sejam feitas de qualquer lugar do país utilizando apenas a nota do ENEM. As inscrições irão dos dias 22 a 25 de janeiro para os seguintes cursos: bacharelado em Ciência e Tecnologia e Bacharelado em Ciências e Humanidades.

enem

As informações gerais referentes às vagas, cotas, notas mínimas, etc., estão normatizadas no Edital de Ingresso:

Edital Nº 119/2018 – Ingresso nos Bacharelados Interdisciplinares em 2019

Ingressantes 2019

Início das aulas: dia 03 de junho, conforme Calendário Acadêmico 2019

Horários das aulas:

  • Período Matutino: de segunda a sábado, das 08h00 às 12h00
  • Período Noturno: de segunda a sexta, das 19h00 às 23h00 e, aos sábados, das 14h00 às 18h00

Havendo disponibilidade, o aluno do matutino poderá cursar disciplinas no período noturno e vice-versa. Também poderá haver aulas à tarde.

Outras informações importantes: Guia da Graduação – UFABC

SOBRE A UNIVERSIDADE

A Universidade Federal do ABC (UFABC) é uma instituição pública federal de ensino superior no ABC paulista. Ocupa o 1° lugar entre as universidades brasileiras no Ranking SCImago nos quesitos “Excelência em Pesquisa”, “Publicações de alta qualidade” e “Impacto normalizado das suas publicações”. Foi avaliada pelo Índice Geral de Cursos (IGC) do MEC como a melhor universidade do Estado de São Paulo, sendo avaliada como a 1ª no ranking de cursos de graduação entre todas as universidades do Brasil. O IGC leva em consideração em sua avaliação fatores como infra-estrutura, corpo docente, e nota dos formandos no ENADE. Ocupa o 1º lugar entre as universidades brasileiras no quesito “Internacionalização” no Ranking Universitário Folha 2013.

Comente