GAY BLOG BR by SCRUFF

A festa Kevin, muito conhecida entre os moradores de São Paulo e com edições em outras cidades como Rio de Janeiro, Porto Alegre, Amsterdã (Holanda) e Berlim (Alemanha), estreou este mês o “No Darkroom da Kevin“, um podcast para falar sobre sexo de forma descomplicada.

O primeiro episódio contará com o psiquiatra Bruno Branquinho e o infectologista Felipe Medeiros e ambos falarão sobre chemsex, que é quando as pessoas têm relações sexuais utilizando drogas psicoativas, evidenciando potenciais danos para a saúde.

No segundo episódio do podcast será abordado sobre o DOGPLAY, uma prática BDSM em que os praticantes ficam com fantasia de um cachorro, física e mentalmente, como um fetiche. Neste, os convidados serão os “cachorros” Pinky e Pupsadan.

O podcast da Festa Kevin é semanal e pode ser ouvido no Spotify e Google Podcasts.

Festa Kevin estreia podcast para falar de sexo sem tabus; Bruno Branquinho é o primeiro convidado
Reprodução

Um pouco sobre Chemsex 

Chemsex é um termo coloquial usado para descrever sexo entre homens que ocorre sob a influência de drogas, que são tomadas imediatamente antes ou durante o sexo para melhorar a experiência.

Ácido gama-hidroxibutírico (GHB), gama-butilactona (GBL) e substâncias intimamente relacionadas, coletivamente referidas como GHBRS, dão efeitos eufóricos e estimulantes. O uso recreativo também é maior entre os homens que se envolvem em chemsex.

O Conselho Consultivo sobre o Uso Indevido de Drogas (ACMD) recomendou a reclassificação dos GHRBs da classe C para a classe B, o que significa que a posse poderia ser punida com até cinco anos de prisão, em vez de dois anos. O fornecimento pode levar a 14 anos de prisão para as drogas classe B e C.

O relatório dos conselheiros expôs uma série de perigos significativos associados ao GHBRS. No Reino Unido, o GHBRS tem sido usado para facilitar crimes graves, incluindo assassinato, estupro, agressão sexual e roubo, segundo o relatório. Ele destacou os casos de Stephen Port e Gerald Matovu como evidência de GHBRS sendo usado como arma do crime.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os LGBTs que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"