GAY BLOG BR by SCRUFF

De acordo com informações apuradas pelo Queerty, o político Madison Cawthorn (26), conhecido por seus posicionamentos contra direitos LGBTs e que teve um vídeo vazado com outro homem recentemente, há materiais ainda mais comprometedores dele.

O vazamento do vídeo se deu pelo grupo “American Muckrakers PAC” e um porta-voz deste grupo, David Wheeler,  disse que eles possuem um “material muito mais explícito sobre o congressista que ele não pode publicar sem ferir as leis da Carolina do Norte”, sendo a razão pela qual eles não divulgaram o vídeo.

O vídeo anterior foi recebido de uma fonte anônima que, anteriormente, apoiava Cawthorn.

Há materiais "ainda mais explícitos" de político contrário aos direitos LGBTQIA+
Reprodução

Político contra direitos LGBTs tem vídeo vazado com outro homem

Madison Cawthorn teve um vídeo vazado em que ele está nu ao lado de outro homem simulando uma cena de sexo. Após a repercussão , Cawthorn apareceu no Twitter dizendo que era uma brincadeira: “Anos atrás, neste vídeo, eu estava sendo grosseiro com um amigo, tentando ser engraçado. Estamos agindo feito tolos, e brincando. É isso”.

Essa não é a única brincadeira com cunho homoafetivo de Catworth. O canal Daily Mail também vazou um vídeo em que o político está sentando em um carro, e um membro de sua equipe, Stephen L Smith, coloca a mão no órgão genital dele. Já o canal Politico teve acesso a imagens dele usando uma lingerie.

De acordo com o Pink News, as revelações chocaram seus eleitores, considerando que Cawthorn sempre fez sua campanha política prometendo ser “uma voz forte de fé, família e liberdade”, se manifestando contrário aos movimentos LGBTQIA+ e também ao casamento gay. Além disso, ele já publicou no Twitter que só existe um Deus e “dois gêneros”, fazendo um comentário considerado discriminatório perante pessoas trans e não binárias.

Político contra direitos LGBTs tem vídeo vazado com outro homem
Reprodução

Cawthorn também já foi acusado de assédio sexual em 2020 por uma colega dele na Patrick Henry College, na Virgínia. O caso teria ocorrido quando ele tentou beijá-la a força duas vezes e, mesmo ela dizendo que não queria, ele insistiu, sendo inconveniente.

Fora isso, ele já foi pego pela polícia dirigindo com uma carteira de motorista revogada por não ter pago duas multas, além de que também tentou viajar de avião com uma arma de fogo carregada em uma mala, precisando da atuação da polícia para resolver a situação. Já o congressista disse que tudo se trata de um “ataque coordenado” da mídia.




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"