GAY BLOG BR by SCRUFF

Segundo informações do The Sun (via Splash), as filmagens do filme “My Policeman”, em que Harry Styles vai interpretar um homossexual enrustido, já começaram e o ex One-Direction aparentemente quer “mergulhar fundo” no personagem e vai encenar cenas de sexo gay bem realistas.

“O plano é filmas duas cenas com Harry e David, e depois outra cena em que Harry está nu, sozinho” – disse uma fonte ao tabloide inglês.

“Não vai sobrar muito para a imaginação. Harry está se jogando neste novo papel e está muito animado com o desafio, embora seja uma tarefa difícil. Ele sempre quer fazer coisas que as pessoas não esperariam e desafiar o que as pessoas pensam sobre ele – e este filme realmente fará isso”, acrescentou o informante.

Harry Styles ficará nu e fará cenas de sexo gay em novo filme
Reprodução

My Policeman se concentra em um triângulo amoroso em Brighton, na Inglaterra, na década de 1950. Na trama, Harry Styles viverá o personagem Tom Burgess, um policial que é gay e acabar se casando com Marion (Emma Corrin) para não ser vítima de homofobia.

A Amazon Studios comprou os direitos do filme, o que pressupõe que a obra deverá ir direto para streaming sem passar pelos cinemas. Nenhuma data de lançamento foi anunciada ainda.

Falando do livro, ele conta a história de Tom Burgess, um policial gay. Marion, uma professora, sem saber da orientação sexual de Burgess, acaba se apaixonando por ele, e o mesmo acontece com Patrick, que trabalha em um museu.

Devido à pressão social da época, Tom e Marion acabam se casando, apesar de que o verdadeiro amor dele é o Patrick. Em determinado momento, Marion começa a desconfiar dos verdadeiros sentimentos do marido.

O livro recebeu boas notas da imprensa, sendo considerado uma história “fluida” em que iniciamos e não temos mais vontade de parar de ler. Além disso, mesmo sendo uma ficção, retrata um período histórico e possui uma “estrutura sólida”, dando a impressão de que aquela narrativa poderia acontecer.

Na Inglaterra, relações homoafetivas eram consideradas crimes até o ano de 1967. Em 2016, o secretário de Justiça britânico, Sam Gyimah, defendeu que é muito importante dar “o perdão” às pessoas que foram condenadas por “crimes sexuais”, já que hoje em dia elas seriam inocentes de qualquer penalidade.

Join our community of 15+ million guys

Find guys looking for the same thing with SCRUFF Match. Volunteer to be a SCRUFF Venture Ambassador to help out guys visiting your home city. Search an up-to-date agenda of the top parties, prides, festivals and events. Upgrade your game with SCRUFF Pro and unlock 30+ advanced features. Download SCRUFF here.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"