GAY BLOG BR by SCRUFF

A Netflix divulgou, neste dia 3 de maio, o primeiro teaser de “Halston”, minissérie protagonizada por Ewan McGregor que contará a história do estilista Roy Halston Frowick, famoso durante a década de 1970 e 1980. Dirigida por Daniel Minahan, a obra tem Ryan Murphy e o próprio Ewan McGregor como produtores executivos.

Ao som de “Enjoy the Silence”, hit do Depeche Mode, o trailer reproduz a história profissional do designer de moda e sua presença constante no Studio 54, em Nova York. Além de cenas de sexo gay com McGregor, a obra abordará o vício em drogas de Halston e os problemas pessoais que deixaram sua carreira abalada em meados dos anos 80.

Assista:

“A minissérie acompanhará o lendário estilista Halston enquanto ele transforma seu simples sobrenome em um império da moda que é sinônimo de luxúria, sexo, status e fama, definindo a era dos anos 1970 e 1980 em Nova York, até que ele precisa batalhar pelo controle de sua mais preciosa posse – seu nome” – diz a sinopse oficial.

A série é baseada no livro Simply Halston, escrito por Steven Gaines, e tem como produtor executivo o Ryan Murphy. A série tem estreia prevista para o dia 14 de maio.

Trailer de "Halston" faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado
Trailer de “Halston” faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado – Reprodução

Ewan McGregor elogia diretor de Halston por instruções de cenas de sexo gay

O ator Ewan McGregor concedeu uma entrevista ao Hollywood Reporter recentemente contando que, pela primeira vez, ele foi instruído pelo diretor a como fazer cenas de sexo gay.

“Essa é a primeira vez que faço isso [cenas de sexo gay] com uma orientação bem íntima” – disse McGregor“Foi um alívio. É a hora da f***. As minhas experiências eram apenas o diretor ir lá, ‘faça como quiser’. É meio constrangedor. Não é justo para nenhum ator fazer assim”, disse.

Trailer de "Halston" faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado
Trailer de “Halston” faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado – Reprodução

Ao longo da carreira, ele interpretou vários filmes em que estava de nu frontal (+18) e foi pioneiro também em cenas de sexo com outros homens, mesmo sendo hétero.

Ewan McGregor também fala sobre muita coisa ter mudado ao longo dos 30 anos de carreira, comentando as críticas dele interpretar o personagem gay em Halston, sendo que ele é hétero.

“Eu ouvi essa discussão e respeito os dois lados, realmente” – disse, e logo em seguida faz uma referência ao Billy Porter, que já tinha dito ao mesmo canal que se sentia frustrado com atores héteros interpretando personagens gay – “Não andei nos sapatos de Billy Porter. Não sei como é se sentir com algo que tem a ver com sua sexualidade. Então só posso respeitar esse ponto de vista”.

No entanto, ele defende sua escolha para o personagem: “Se a história fosse mais sobre a sexualidade de Halston, talvez fosse justo um ator gay pegar o papel. Mas neste caso – e eu não quero soar como leviano, porque é algo que pensei muito – eu sinto que é apenas uma parte de quem ele é.”

McGregor também comenta que se preparou extensivamente para o papel, chegando a se encontrar pessoalmente com Liza Minnelli, que era amiga próxima de Halston na vida real.

Trailer de "Halston" faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado - Reprodução
Trailer de “Halston” faz referências ao Studio 54 e traz Ewan McGregor afeminado – Reprodução

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".