Uma colaboração entre a Luminate, Fundação Avina e A Open Society Foundations investirá US$ 3 milhões em ações de organizações tradicionalmente excluídos, se iniciando agora em 2020 e finalizando em 2023. O objetivo é melhorar a representatividade das democracias na América Latina, buscando financiar e apoiar aqueles que lutam para protegê-la.

GAY BLOG BR by SCRUFF

Aqueles que querem se cadastrar podem acessar o site da Pulsante, e os suportes variam entre US$ 10 mil e US$ 15 mil. Além da verba, poderão ser solicitados apoios técnicos em comunicação ou consultoria jurídica. O benefício terá duração de 3 a 6 meses e mensalmente serão analisadas novas inscrições.

“No atual estado de emergência devido à pandemia, a tomada de decisões por parte dos governos, em alguns casos, tem prejudicado significativamente suas relações com os cidadãos.” – diz o comunicado.

US$ 3 milhões serão destinados a movimentos sociais para proteger as democracias da América Latina
Reprodução

Em um primeiro momento, um Fundo de Resposta Rápida (FRR) será destinado ao apoio de campanhas e mobilizações, visando facilitar a resposta a emergências sociais vinculadas aos direitos humanos. Em um segundo e um terceiro momento, a verba vai apoiar diretamente organizações e movimentos.

Segundo Rafael Georges, representante da Luminate no Brasil, “A sociedade civil na América Latina tem um imenso potencial inovador, revelado ao longo das últimas décadas. Queremos fomentar o que há de novo e inclusivo nos dias de hoje, para termos democracias mais fortes e representativas na região”.

Que tipo de ação pode solicitar o FRR:

• Campanhas de incidência e mobilização cidadã que buscam ampliar o espaço cívico e buscam representar a voz de setores excluídos e pouco representados como: coletivos de comunidades carentes, LGBTQI+, comunidades rurais, indígenas, etc.

• Campanhas, ações, documentações que permitam evidenciar casos de abuso contra os direitos humanos e discuti-los na agenda pública.

• Ações cidadãs que busquem incluir na agenda temas relevantes para incentivar uma discussão aberta e democrática.

• Mobilizações que demandem mudanças e regulamentação frente a abusos contra os direitos humanos.

• Resposta à introdução de legislações que diminuam ou reduzam os direitos políticos da população, fomentem a censura e/ou outros problemas relacionados aos direitos humanos e ao espaço cívico.

Democracia é permitir direito às minorias | Joaquim Leães de Castro

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".