This article is also available in: Español

GAY BLOG BR by SCRUFF

Em uma entrevista concedida ao Fantástico, da Rede Globo, a apresentadora Xuxa conversou com a jornalista Renata Ceribelli sobre o lançamento do seu mais novo livro “Maya – Bebê Arco-Íris“. Durante a entrevista, Ceribelli questionou se ela já teve alguma paixão por uma outra mulher.

“Não, mas se me apaixonasse todo mundo iria saber, não vejo como coisa errada” – disse Xuxa “Amor é muito mais forte, amor é amor. Dois homens podem se amar, um homem e uma mulher, duas mulheres. Eu acho que a gente não tem que botar um rótulo nisso daí. Amor é amor, não importa o sexo”.

Xuxa diz que nunca se apaixonou por uma mulher
Reprodução

Ao longo da entrevista, ela também comenta sobre o polêmico filme “Amor, Estranho, Amor“, gravado em 1979 e lançado em 1982. O longa foi dirigido por Walter Hugo Khouri e contou com outros nomes consagrados como Vera Fisher, Tarcísio Meira e Mauro Mendonça.

“No filme, eu fazia o papel de uma menina de 15 anos que foi vendida para um prostíbulo onde tinha um menino de 12. Não é minha biografia, nem perto da minha história” – afirmou Xuxa, que durante mais de trinta anos adquiriu os direitos do longa metragem e impedia sua veiculação em todos os lugares.

No entanto, ela acabou mudando de ideia em 2018 e atualmente o filme está liberado para ser exibido e, hoje em dia, ela quer que as pessoas assistam.

“Quem não viu o filme, por favor, veja, porque esse filme fala de uma coisa muito atual, que é a exploração infantil, isso é a realidade de muita gente” – disse.

Sobre a polêmica de ter transado com o menino, ela também é enfática: “As pessoas levantam a bandeira do ‘ah, você transou com um menino de 12 anos’. Eu não transei, aquilo é ficção. Se não, o Arnold Schwarzenegger devia estar preso, porque matou um monte de gente nos filmes” – disse.

This article is also available in: Español

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".