Na última terça-feira, Todd Tomorrow, candidato ao cargo de vereador pelo PDT, viralizou ao listar em seu Facebook vinte razões para não eleger Celso Russomano para o cargo de prefeito em São Paulo, que apareceu com 24% das intenções de voto em pesquisa realizada pelo IBOPE.

GAY BLOG BR by SCRUFF

O desafeto entre Todd e Russomano já vem de outras eleições. Em 2016, Celso foi à Polícia Civil alegando estar “gravemente humilhado e emocionalmente abalado” por um post na página de Facebook de Todd, que na época se candidatava pelo PSOL. A postagem que incomodou ao religioso trazia “30 boas razões para não votar” no “‘senhor’ dos cofres da Universal”.

Tomorrow, que se orgulha em em ser “a pedra no sapato dessa gente”, diz que atendeu ao pedido de seus eleitores para atualizar a lista de razões para não votar em Russomano: “Trata-se de uma compilação que precisa ser conhecida por todas e todos. Agora é com você! Faça essa mensagem chegar aos 4 cantos da cidade de São Paulo”, escreveu.

A nova lista de Todd vem acompanhada de uma imagem associando Russomano ao Marcelo Crivella, prefeito do Rio de Janeiro.

Lista "20 razões para não votar em Celso Russomano" viraliza nas redes sociais
Reprodução/Facebook

Sob o título “Templo é dinheiro”, Todd escreveu:

“NA MINHA CIDADE NÃO!

 

1) Você sabia que #CelsoRussomanno votou SIM na emenda que pretende perdoar dívida bilionária das igrejas? Assim como a Rede #Record foi comprada pelo líder da Igreja Universal, o partido que acomoda a candidatura de Russomanno é, de fato, controlado por #EdirMacedo. O grande objetivo do bispo em ter um partido só seu é o de aumentar a pressão por mais privilégios tributários para sua igreja;

 

2) Onde o partido de #Russomanno chega, começa imediatamente a trabalhar para aumentar os privilégios de suas igrejas, não importa se no nível municipal, estadual ou nacional, seja tentando proibir cobrança de #ICMS nas contas de luz, telefone e gás dos imóveis das igrejas, seja isentando templos do pagamento do #IPTU

 

3) Não bastasse a sanha em não pagar impostos que nós, pobres mortais somos obrigados a pagar, o partido de Russomanno está em maus lençóis na cidade do #RiodeJaneiro. O Ministério Público encontrou indícios de que a #IgrejaUniversal foi usada para lavar dinheiro da corrupção na Prefeitura do Rio. O tamanho da brincadeira: R$ 5,9 bilhões. O prefeito do Rio, #MarceloCrivella, é sobrinho de Edir Macedo e está inelegível por uso de máquina pública para fins eleitorais. Russomanno prefeito em São Paulo é o mesmo que Edir Macedo controlando os cofres paulistanos;

 

4) Você sabia que Celso Russomanno está citado no escândalo da #MáfiadaMerenda aqui de #SãoPaulo? Interceptação de mensagens de dois nomes importantes da estrutura de organização criminosa sugeriu proximidade do deputado com o grupo. Ele foi mencionado nas mensagens como “novo parceiro”;

 

5) Russomanno também já foi acusado de suborno na #CPIdoNarcotráfico. Durante a CPI, o motorista Adilson Frederico Dias Luz acusou Russomanno, que era sub-relator da comissão, de suborno. O objetivo, segundo Adilson, era que ele acusasse o advogado de Campinas, Artur Eugênio Matias. O motorista afirma ter implicado o advogado em troca de sua liberdade;

 

6) Você sabia que Russomanno foi flagrado fazendo uma emenda parlamentar, destinando R$ 1,1 milhão de #dinheiropúblico para uma instituição que ele presidia? Flagrado pela reportagem do Portal IG, Russomanno recuou e abortou a operação;

7) O próprio Celso Russomanno foi condenado por usar uma servidora pública para trabalhar numa de suas empresas. A servidora exercia ao mesmo tempo atividades parlamentares e na produtora de vídeos Night and Day Promoções Ltda., da qual Russomanno é sócio majoritário, sendo paga exclusivamente com #recursospúblicos;

 

8) A prática de contratar assessores parlamentares para realizar trabalhos estranhos a atividade para que recebem é comum na história de Russomanno. São diversos os casos em que os #servidores trabalhavam pra alguma entidade particular do deputado, prática ilegal e imoral;

 

9) Outro assessor de Celso Russomanno também foi flagrado dando expediente em uma clínica do “#DoctorRey”, de quem o candidato seria sócio. Uma mistura bizarra de personagens da política brasileira e, mais uma vez, flagrante uso indevido de recursos públicos;

 

10) Aliás, Celso Russomanno, junto com o parceiro “Doctor Rey”, está envolvido num negócio de #franquias que levou clientes insatisfeitos à #Justiça. Os proprietários de pelo menos doze franquias denunciaram um esquema de superfaturamento de preços;

 

11) Você sabia que, enquanto os pobres mortais precisam respeitar o #RodíziodeVeículos e outras Leis de trânsito na cidade de São Paulo, Celso Russomanno pediu, nada mais, nada menos, imunidade para possíveis futuras infrações para seu veículo particular? Na ação, ele alegou ser “da imprensa”. A juíza sentenciou: “Seria um salvo-conduto para que o autor pudesse desrespeitar as leis do trânsito” e negou acertadamente o pedido; 

 

12) Russomanno já recusou a ser tratado como cidadão comum e teve de ser retirado de voo. Passageiros tiveram que esperar 40 minutos para decolar devido à tentativa de carteirada do deputado, que não quis passar sua bagagem de mão pelo raio-x, um exemplo claro do conhecido “sabe com quem você está falando?”;

 

13) Você sabia que a família de Russomanno já viajou pelo mundo com passagens pagas com dinheiro público, com o seu dinheiro? Russomanno foi ativo participante do escândalo das passagens da Câmara. O candidato usou a cota parlamentar, de uso exclusivo do dono do cargo, para fornecer passagens aéreas enquanto deputado federal para levar a filha pra #NovaYork e a mulher a Montevidéu. De acordo com relatório de passagens emitidas para o gabinete de Russomanno, foram emitidos oito bilhetes de sua cota para familiares ou terceiros. Russomanno achou normal e alegou não haver ilegalidade nem #imoralidade em pagar pelas férias da família com dinheiro público;

 

14) Você sabia que Russomanno apesar de se apresentar como um “homem muito humilde” humilha os mais simples na base do “você sabe com quem está falando”? Celso Russomanno bateu boca no estacionamento da #Câmara com um taxista que obstruía a passagem de seu carro. Aos berros, o deputado destratou o motorista. Em seguida, chamou um segurança para deter o taxista, que já havia se desculpado. Quando o passageiro tentou acalmar Russomanno, o parlamentar disparou: “Não me chame de você! Sou deputado federal!”;

 

15) Celso Russomanno também não aceita criticas de adversários. No último pleito municipal, tentou censurar e intimidar #ToddTomorrow por meio de ações na Justiça, mas falhou. Ele ainda tratou o episódio como caso de polícia, mas recuou;

 

16) Ele também não aceita muito bem quando as criticas são da imprensa profissional. Seu colega de partido no Rio de Janeiro, #MarcelloCrivella, contratou pessoas para impedirem reportagens sobre a saúde no Rio, os chamados “Guardiões do Crivella”. Não queremos os “Guardiões do Russomanno” fazendo a mesma coisa aqui por São Paulo, não é mesmo?;

 

17) O temperamento de Russomanno e a tentativa de impor sua vontade lhe rendeu alguns problemas com a Justiça. Relatos da imprensa demonstram alguns episódios de descontrole, que chegaram a lhe render processos por #lesãocorporal;

 

18) Você sabia que um funcionário do #Metrô registrou boletim de ocorrência por lesões corporais e constrangimento ilegal contra Celso Russomanno? Vicente Gilmarino Neto, responsável pela estação Ana Rosa, disse que Russomanno o pegou pelo braço e lhe deu voz de prisão para obrigá-lo a dar explicações sobre pane num elevador;

 

19) Você sabia que Celso Russomanno muitas vezes não está no plenário da Câmara quando este está funcionando? Basta ligar na #TvRecord durante a tarde e a #TVCâmara ao mesmo tempo. Os dois programas ao vivo não deixam dúvida de que ele não cumpre suas obrigações parlamentares para dar close na televisão em horário de expediente.

 

20) Você sabia que Celso Russomanno costuma moldar suas convicções políticas a interesses eleitoreiros? Numa reunião com o ex-Ministro da Justiça, o deputado teria afirmado que era contra a redução da maioridade penal, mas que por ser candidato a prefeito de São Paulo, votaria a favor numa demonstração clara de falta de #coerência.

CANDIDATO DIZ QUE USARÁ SCRUFF

Com experiência de duas eleições pelo PSOL, o ativista gay Todd Tomorrow agora vem sob o Partido Democrático Trabalhista (PDT) para se candidatar ao cargo de vereador em São Paulo em espírito combativo para um “acerto de contas” com 2018. Com o isolamento social, a internet deverá ser o grande palanque para a comunicação direta aos eleitores.

No começo de setembro, Todd compartilhou em seu Facebook um print de uma conversa inusitada em um app de relacionamento.  “Vou botar em você”, disse um eleitor, que logo se corrigiu: “*Botar! Desculpe”. Na legenda de sua postagem, Tomorrow brincou: “Tá desculpado, bem…”.

Questionado se fará uso de apps de paquera em período eleitoral, como fez em 2016, Todd confirmou: “Sim, usarei o Scruff”. Continue lendo neste link.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.