GAY BLOG BR by SCRUFF

Rocinha (RJ), Valéria (BA), comunidade do Sol Nascente (DF), Paraisópolis (SP), México 70 (Baixada Santista), Aglomerado da Serra (MG), Casa Amarela (PE), Baixadas da Estrada Nova Jurunas (PA), Cidade de Deus (AM) e outras das 6.329 favelas, assentamentos e regiões periféricas do Brasil serão alguns dos possíveis cenários do “Olhar Periférico Festival de Cinema”. Até o dia 15 de junho, o Festival está com inscrições abertas para cineastas da periferia de todo o território nacional pelo site.

Serão quatro mostras competitivas de curtas-metragens de até 25 minutos, produzidos a partir de 2019. Entre elas: “Mostra Olhar Feminino”, “Mostra Olhar Diversidade”, “Mostra Olhar Jovem” e “Mostra Todos os Olhares”, com curtas-metragens dirigidos respectivamente por mulheres, LGBTQIA+, jovens de até 29 anos e adultos.

A ideia é mostrar a periferia de todo o território nacional pelo olhar de cineastas que moram ou atuam nesse contexto social e conhecem de perto essa realidade, democratizando a sétima arte e revelando talentos.

Curtas feitos por realizadores periféricos de todo o território nacional podem participar do Festival. Rio de Janeiro – Rocinha – Foto: Divulgação

De acordo com os diretores Monica Trigo e Eduardo Santana, o “Olhar Periférico Festival de Cinema” quer trazer a visão e o mapeamento das principais produções cinematográficas dos últimos anos do País.

“A periferia sempre foi um lugar pulsante com todas as vertentes culturais, o samba e o funk vieram dos morros do Rio de Janeiro, o rap nasceu na zona sul de São Paulo. A periferia lança moda das roupas e acessórios ao bronzeado na laje. Existe uma energia criativa nos saraus, nos slams e nos eventos literários das periferias de todo país e uma quantidade gigantesca de filmes feitos por pessoas das ocupações, das quebradas, dos guetos, das favelas e comunidades dos Brasis, desta federação continental”, diz Monica Trigo.

Raio-x do Brasil

O Festival tem como inspiração a música “Fim de Semana No Parque”, dos Racionais MCs. “Nos inspiramos na frase que diz: você está entrando no mundo da informação, autoconhecimento, denúncia e diversão. Esse é o raio-x do Brasil”, conta o diretor do Festival, Eduardo Santana.

Segundo Santana, o Olhar Periférico Festival de Cinema vai mostrar produtores audiovisuais da periferia contando as próprias histórias nas telas e as divulgando ao mundo.

Festival acontece em julho

O “Olhar Periférico Festival de Cinema” acontece de 19 a 25 de julho e será transmitido em plataforma de streaming. Também haverá debates e bate-papos nas redes sociais do Festival. Os melhores filmes em cada categoria (Mostras Olhar Feminino, Diversidade, Jovem e Todos os Olhares) serão escolhidos por um júri técnico composto por profissionais do audiovisual e receberão o Troféu Olhar Periférico.

O Festival é uma realização da Fly Cow Produções por meio da Lei Aldir Blanc e com patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria Especial de Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

Serviço

Inscrições para o “Olhar Periférico Festival de Cinema”
Deadline: até 15 de junho de 2021
Inscrições gratuitas e regulamento:
https://filmfreeway.com/OlharPerifericoFestivaldeCinema1
Site: www.olharperifericofestival.com
Instagram: @olharperifericofestival

Festival acontece: de 19 a 25 de julho de 2021

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.