GAY BLOG BR by SCRUFF

Até domingo (20), UFJF realiza Semana Rainbow Fest; Movimento Gay de Minas inicia atividades culturais na quinta (17)

pjf_funalfa_rainbow_
Prédio da Funalfa, em Juiz de Fora, MG

A partir desta segunda-feira (14), eventos interligados realizados pelo Movimento Gay de Minas (MGM) e pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) desenvolvem diversas atividades para discussão e debates sobre orgulho LGBT na cidade.

A programação se estende até domingo (20) e um dos destaques será o Miss Brasil Gay, no sábado (19), com organização própria. “A Rainbow mostra o quanto é importante a gente não parar com a promoção da diversidade e a promoção do respeito à população LGBT. Esse retrocesso a que a gente tem assistido só comprova que a nossa luta é extremamente necessária e não pode parar. Estamos assistindo a valorização da discriminação, dos preconceitos, a naturalização do racismo, da homofobia e do machismo. Não podemos nos calar. A nossa cultura tem que tomar as ruas”, disse o presidente do MGM, Oswaldo Braga.

Ele acredita que Juiz de Fora pode dar exemplo a outras cidades. “Estamos comemorando 40 anos de Miss Brasil Gay e 19 de Rainbow Fest. O debate contra a homofobia tem que voltar à pauta e às ruas. Juiz de Fora pode dar exemplo até para o país ao demonstrar ser uma cidade que respeita os direitos humanos e promove a diversidade. Perder esta oportunidade não é concebível para Juiz de Fora”, analisou.

A programação começou nesta segunda (14) com a Semana Rainbow da UFJF. O evento conta com exposições, exibições de filmes, espetáculo teatral, mesas redondas, palestras e pesquisa. A ação é uma parceria entre o projeto de extensão “UFJF e Miss Brasil Gay: interface com a comunidade”, a Pró-reitoria de Cultura, as diretorias de Imagem Institucional e de Ações Afirmativas e diversos cursos da instituição.

“Consideramos uma belíssima vitória a UFJF ter assumido o papel de promover o debate e as discussões acadêmicas. Agora está no lugar certo. Cabia ao MGM realizar quando ninguém fazia”, destacou Braga.

Está marcada para 19h desta segunda uma capacitação para funcionários do setor de comércio e hotelaria. “Vamos passar informações de como receber e tratar a população LGBT e o turista que virá para a cidade nesta semana”, explicou o presidente do MGM.
De olho neste público, Sindicomércio e Câmara dos Dirigentes Lojistas lançaram um concurso de apoio ao evento em julho.

A partir de sexta-feira (18), começam os eventos culturais na Praça Antônio Carlos, organizados pelo MGM, que terão mercado alternativo, “cãominhada” e feira de adoção de animais. “Como foi acertado com a Polícia Militar (PM), as atividades irão até 21h por questão de segurança. Teremos DJs, shows de drags, batalhas de dublagens na sexta a partir das 18h. No sábado a partir das 14h e no domingo (20) começando às 16h”, comentou Braga.

Sem a Parada do Orgulho LGBT, que foi realizada pela última vez em 2015, os organizadores encontraram um novo formato para celebrar. “Vamos ter o Gay Pride no Calçadão entre 10h e 15h no sábado (19). Um trio elétrico ficará estacionado na Rua Batista de Oliveira, no mesmo formato usado na festa de Ano Novo. Haverá uma passarela para shows, brincadeiras e eleição da Top Drag”, concluiu.

prédio-colorido-felipe
Foto: Felipe Couri

Com informações do G1

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF possui mais de 15 milhões de usuários no mundo todo. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os LGBTs que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. Baixe o app SCRUFF diretamente deste link.