GAY BLOG BR by SCRUFF

O ator Armando Babaioff compartilhou no Twitter uma série de prints de mensagens recebidas pelo WhatsApp nas quais um criminoso tentava se passar por filho do artista para receber transferência bancária.

Babaioff não é pai, mas aproveitou a oportunidade para fazer o golpista acreditar que tinha atendido ao pedido e compartilhou prints em que registrava a conversa. O bandido pediu o comprovante de depósito, mas, para sacaneá-lo, o ator resolveu enviar uma imagem que, no print, foi censurada. Foi o suficiente para que os fãs imaginassem que o ator tivesse enviado um nude ao criminoso.

A coluna de Leo Dias entrou em contato com o Armando Babaioff para entender se a imagem que ele tinha enviado ao criminoso era, de fato, um nude. No entanto, o ator respondeu que era uma imagem do dedo médio para ele.

Armando Babaioff cai em golpe e fãs questionam se ele enviou nude a bandido
Reprodução

DE RECIFE AO RIO DE JANEIRO

Armando Babaioff nasceu na cidade de Recife, capital do estado brasileiro de Pernambuco, no dia 1 de abril de 1981. Descendente de judeus uzbeques por parte de pai, de onde vem o sobrenome Babaioff, começou a fazer teatro aos 11 anos na Escola Municipal Pio X, em Jacarepaguá, e é formado pela Escola Técnica Estadual de Teatro Martins Penna e pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) em artes cênicas.

Estreou profissionalmente nos palcos aos 15 anos de idade no Festival de Teatro Rei Ator. Atuou nas montagens premiadas A Fábula da Casa das Mulheres Sem Homens e Quietude pela Quantum Companhia de Teatro, conquistando com esta os Prêmios de Melhor Ator no Festival de Teatro Carioca (Universidade Gama Filho/2001) e no VII Festival de Macaé (2001). Em 2004, protagonizou ao lado de Vera Fischer, o espetáculo A Primeira Noite de um Homem, com direção, tradução e adaptação de Miguel Falabella.

Em 2006, estreou na televisão, na Rede Globo, interpretando o personagem Felipe na novela Páginas da Vida. Em 2008, interpretou em Duas Caras o personagem Benoliel da Conceição, e em 2010 viveu o homossexual Thales Salmerón em Ti Ti Ti. Participou de um episódio da série As Brasileiras, onde fazia Pedro, irmão da personagem de Ivete Sangalo, e também da minissérie sobre a vida de da atriz Dercy Gonçalves, Dercy de Verdade, onde interpreta Homero Kossac, o grande amor da vida de Dercy.

Em 2013, volta às novelas, interpretando Érico, um dos co-protagonistas de Sangue Bom, formando par romântico com Regiane Alves, e posteriormente com Letícia Sabatella. Em 2014, entra na novela Joia Rara, como Aderbal Feitosa, para formar um triângulo amoroso com os personagens de Luiza Valdetaro e Thiago Lacerda.

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"