A Netflix anunciou que o aguardado filme “The Boys in the Band“, produzido por Ryan Murphy, será lançado no dia 30 de setembro. A data foi divulgada nesta sexta-feira, 21 de agosto, e nele terá astros bem famosos entre o público LGBT, como Jim Parsons e Matt Bomer.

- CURTA A PÁGINA DO FACEBOOK -

O longa-metragem é uma adaptação da peça teatral homônima e será dirigida por Joe Mantello, que também dirigiu a nova encarnação da peça em 2018. A história gira em torno de um grupo de amigos gays que se reúnem para comemorar o aniversário de um deles, mas a noite é interrompida quando o colega de quarto, que todos entendem ser um homossexual enrustido, aparece sem ser convidado.

The Boys in the Band, filme com Matt Bomer, ganha imagens e data de estreia
Divulgação

Murphy concedeu uma entrevista ao Collider dizendo que The Boys in The Band é notável por ser interpretado apenas por homens gays:

“O que adorei é que foi a primeira vez que me lembro onde todos os papéis que eram gays foram interpretados por gays… Todos nós meio que nos reunimos e criamos esta grande homenagem a essa peça. E eu acho que Joe realmente dirigiu tudo isso para apresentar algo muito moderno. Então, ser capaz de terminar e torná-lo ainda mais profundo e cinematográfico, do que já é, eu acho que é realmente extraordinário.”

Divulgação

Outros nomes no elenco incluem: Zachary Quinto, Andrew Rannells, Charlie Carver, Brian Hutchison, Michael Benjamin Washington, Robin de Jesús  e Tuc Watkins.

Vale dizer que em 1970 houve a primeira adaptação cinematográfica, chegando ao Brasil com o nome de “Os Rapazes da Banda“, sendo considerado  um moderado sucesso em sua época, ele acabou repercutindo mais pelo pioneirismo em abordar o mundo dos homossexuais no cinema, algo até então inédito. Atualmente, os analistas dizem que o filme não envelheceu tão bem, e o consenso é de que ele é monótono.

The Boys in the Band estreia dia 30 de setembro exclusivamente no Netflix.

Divulgação
Google Notícias
Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".