GAY BLOG BR by SCRUFF

Raphael Santanna, de 25 anos, é um dos policiais do Espírito Santo que estão chamando a atenção nas redes sociais com fotos do corpão e da rotina de trabalho. Faz pouco tempo que ele contou que era policial nas redes.

“As pessoas começaram a comentar que não sabiam da minha profissão. Aí eu comecei a divulgar mais os bastidores do que eu fazia, da minha vida profissional e pessoal. Há dois meses eu comecei a ganhar muitos seguidores, mais de 20 mil”, afirmou ao repórter Vinícius Rangel, do UOL.

A publicação foi um gatilho para atrair ainda mais seguidores de todo o país e até de fora. No seu Instagram, a conta tem mais de 80 mil pessoas. Com o alto engajamento, várias propostas surgiram. Das mais indecentes até as profissionais como modelo fotográfico.

“Já fizeram propostas para mandar fotos pelado, com cueca molhada. Outras eu prefiro nem comentar. Não curto esse tipo de coisa. Chegaram a me propor usar as minhas fotos para a propaganda de um site de relacionamento. Eu não aceitei, mas outros ensaios profissionais já fiz“, disse o PM.

Aos 31 anos, o policial militar Wagner Reuter, de Conceição da Barra, conquistou no Instagram quase 150 mil seguidores. Formado em Direito, ele divulga todos os dias a rotina na polícia, mas também no campo, nas produções de hortaliças, café e também mamão papaya.

“Hoje eu divido o meu tempo com a vida no campo, na Polícia Militar e cuidando do meu filho de dez anos. Eu comecei a compartilhar o conteúdo em 2015 e nunca pensei que teria tantos seguidores. Apesar disso tudo, eu sou muito tímido, busco só viver a minha vida mesmo”, contou Reuter ao UOL.

O Policial Militar Fellipe Villas, de 33 anos, passou da marca dos 30 mil seguidores postando fotos fardado e também da rotina de malhação em academia. A paixão por “puxar ferros”, como dizem os praticantes, começou aos 16 anos.

“Eu sou apaixonado por academia. Comecei com 16 anos. Cheguei a servir no exército por quase dois anos e comecei a estudar para ser policial militar, que era algo que eu também almejava. Não gosto de injustiças, acredito que isso me engatilhou a buscar algo para defender as pessoas”, disse o PM.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista pela Universidade Federal de MS, foi repórter de economia e hoje, além de colaborar para o Gay Blog Br, é servidor público em Joinville (SC). Escreveu ''A Supremacia do Abandono'', livro disponível em amazon.com.br.