Os atores Timothée Chalamet e Armie Hammer estarão de volta em Me Chame pelo Seu Nome 2, sequência do filme popular na comunidade gay de grande sucesso lançado em 2017. A confirmação veio nesta última quinta-feira, dia 2 de abril, pelo cineasta Luca Guadagnino ao jornal La Reppublica, sendo que ele também volta a assumir a direção. O longa é baseado no novo livro de André Aciman, “Me Encontre”, lançado em 2019, que continua a história do romance “Me chame pelo seu nome”, lançado em fez anos antes do filme.

Ainda não se sabe também se o nome do longa se chamará Me Chame pelo seu nome 2 ou se será Me Encontre.

loja das pocs
Foto: Loja das Pocs

O longa de 2017 está disponível gratuitamente no Telecine Play durante este período de quarentena.

O SUCESSO DE ME CHAME PELO SEU NOME

O filme original conta a história do adolescente Elio Perlman, um judeu de 17 anos que se apaixona por Oliver, assistente de seu pai, que o chama para morar por um período com a família durante as férias de verão. Oliver aparentemente é hétero, já que ele diz se sentir atraído por algumas garotas do local, mas ao longo da história um vai conhecendo melhor o outro.

Me Chame Pelo Seu Nome foi indicado ao Oscar em quatro categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Música Original, Melhor Ator e Melhor Roteiro Adaptado, ganhando neste último.

Me Chame Pelo Seu Nome 2 seria apenas a primeira de várias sequências (Foto: Reprodução)
Me Chame Pelo Seu Nome 2 seria apenas a primeira de várias sequências (Foto: Reprodução)

O cineasta Guadagnino já manifestou a ideia de fazer uma continuação logo durante a estreia do primeiro no Sundance, e que seu objetivo é que haja várias sequências, onde o público veria os atores envelhecendo e acompanhando a história desses personagens. Já os dois atores principais também se manifestaram a favor da ideia de Guadagnino.

Vale mencionar que no livro Me Encontre se passaram alguns anos depois da primeira história, e Oliver agora é pai de família e casado, enquanto Elio acaba o reencontrando.

Foto: Loja das Pocs
Google Notícias
Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".