Lançado em 2018, o vídeo-documentário “Diversidade Cultural e de Gênero no Interior Paulista nos Anos 80” tem idealização, coordenação e supervisão do coordenador de cultura Rafael Bazo Júnior e agora está disponível na íntegra no Youtube. 

Realizado com recursos do PROAC Editais, da Secretaria Estadual de Cultura, em seleção promovida em 2016, o filme aborda o cotidiano dos jovens de Lençóis Paulista e região nos anos 80 sob o prisma da diversidade de gênero: os bares e casas noturnas que faziam sucesso na época, as relações pessoais sem a existência de tanta tecnologia, a sexualidade e o anúncio da Aids, que se espalhou pelo mundo naquela década com o estigma de doença de homossexuais.

Assista:

“A ideia para um produção de um material que retratasse os anos 80 surgiu a partir da conversa com os amigos, que falavam com nostalgia de bares como o Pepeu’s e o Habeas Copos. A medida que fomos pesquisando o assunto, sentimos a necessidade de falar também sobre a questão da sexualidade, visto que muitos homossexuais eram tratados de forma jocosa e até mesmo hostil, além da epidemia de Aids, que fez muitas vítimas e marcou esta década”, destaca o diretor de “Diversidade Cultural e de Gênero no Interior Paulista nos Anos 80”.

O material conta com a participação da jornalista Kátia Sartori e do cinegrafista Gerson Fernandes da Costa Júnior. Para a produção do filme, foram realizadas entrevistas com profissionais liberais, artistas e empresários da região (Bauru, Pederneiras, Lençóis Paulista, São Manuel e Macatuba) que fizeram parte do cenário cultural ou que descobriram e tiveram que lidar com a sexualidade nesta época.