O carnaval 2020 no Distrito Federal vem carregado de conteúdo e política. O Coletivo Fora do Armário convite a festejar sem deixar em casa o pensamento crítico.

GAY BLOG BR by SCRUFF

“Estamos nos afirmando, ocupando mais esse espaço e apesar da onda conservadora que vimos sentido na pele nos últimos tempos, há uma parte da sociedade muito sensível ao respeito a toda a comunidade LGBTQIA+”, Dayse Hansa, uma das idealizadoras do coletivo.

A proposta claramente se deve a diversidade presente entre os blocos, o mix vai muito além do que a imaginação heteronormativa possa imaginar. Os temas e atividades passeiam pela cultura drag e negra, aos afirmativos das feministas e os sátiros e caricatos festejos das sapas e das pocs.

Quando o assunto é segurança, uma boa novidade: com a maior organização entre os blocos e a solidificação do coletivo, foi possível criar um diálogo junto com a Secretária de Segurança para juntos se educarem para uma abordagem mais empática com as mulheres e LGBTs. Estima-se que estes blocos devem atrair mais de 200 mil foliões.

O projeto é uma realização da Associação Artística Mapati com o apoio do IMAC, da Sala Produções e da Campanha Folia Com Respeito a partir de Termo Fomento celebrado junto à Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa – SECEC e com recursos de uma emenda parlamentar, no valor de R$ 433 mil, cuja autoria é do Deputado Distrital Fábio Felix (PSOL/DF).

Carnaval de Todas as Cores -  Crédito: Bruna Martins
Carnaval de Todas as Cores – Crédito: Bruna Martins

Programação:

Virgens da Asa Norte
1º de fevereiro, das 14h às 21h – Orla da Ponte JK

Bloco descontraído e irreverente abre-alas do Carnaval de Brasília, promete reunir mais de 30 mil foliões em uma festa multiartística que chega ao seu 10º ano consecutivo e traz às ruas de Brasília diversidade, alegria, festa, amor e empatia. Do frevo ao samba, passando pelo carimbó até o pop, o fervo terá como estrela principal Dona Onete. A ‘Rainha do Carimbó’ apresenta o show, ainda inédito em Brasília, de seu mais recente lançamento – “Rebujo”. O álbum está na lista dos 5 mais tocados na cena World Music da Europa. Outras atrações também sobem ao palco para comandar a animação, que vai entrar noite adentro.

Informações: 61 9.7401-3188 / 61 9.8161-9548


Quem Chupou, Vai Chupar Mais
08 de fevereiro – Museu da República

O bloco nasceu da paixão pelo axé e, claro, pelo trio elétrico. Os carnavais de Salvador são a inspiração máxima para o bloco e o tema para 2020 é “Atrás do Trio Elétrico só não vai quem já morreu”, frase da música clássica de Caetano Veloso, “Atrás do Trio”. A missão do bloco é combater a homofobia, o racismo e o assédio de forma eficaz e colocando no centro do bloco, artistas que projetam nossos ideais.

Coletivo LGBT+ põe na rua 31 blocos no carnaval de Brasília, DF
Bloco Quem Chupou Vai Chupar Mais – Foto: divulgação

Vai Com as Profanas
08 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Bloco, que se define como tropical-feminista, bebe na estética e na música tropicalista para valorizar e luta pela igualdade de gênero. Para os criadores do “Vais com as Profanas”, que trazem dos selos Mimosa e Conspiração Libertina a experiência de como fazer grande baladas, o Carnaval é festa, não tem época e é parte das culturas regional e urbana brasileiras. O Bloco toma as ruas com folia e agitação para dizer que é razoável falar de coisa séria, com sorriso na cara e para provar que não tem dia nem hora para ser feliz e respeitar a todas e todos.

Informações: 61 9.9308-3838


Bloco do Fundão
08 de fevereiro – Avenida Central, Riacho Fundo

Informações: 61 9.8324-5435


Bloco do Amor
09 de fevereiro – Via S2, no Plano Piloto

Na via S2, com o Bloco do Amor, o coração de Brasília vai pulsar azul-e-rosa, espalhando borbulhas de amor purpurinadas pelo asfalto. Um espaço onde todos os afetos se expressem livremente, sem discriminação e com tolerância e respeito.

Informações: blocodoamors2@gmail.com


Essa Boquinha Eu Já Beijei
15 de fevereiro – Gramado da Funarte, Eixo Monumental SDC

Bloco idealizado, encabeçado e organizado por mulheres. A banda, que se apresenta sobre um palco e ao vivo, é composta de 15 nomes femininos da cidade, entre instrumentistas e cantoras. O repertório vai do samba ao afoxé, executado por grandes musicistas. O bloco nasceu para criar um espaço de liberdade e respeito para foliãs.

Informações: 61 9.9633-4441 / 61 9.8311-5115


EIXÃO 44 + Festa Xena 
16 de fevereiro – Passagem Subterrânea da 207 Norte

Prepare seu caminhão!, convidam as organizadoras. As manas do Eixão 44 e da Xena se juntam em 2020, unindo forças para fazer o carnaval sapatão mais maravilhoso da Capital Federal. O Eixão 44, tradicional bloco sapatão da cidade, agora se encontra com a festa lésbica mais bombada de Brasília, a Xena. As duas irão mostrar que no Carnaval tem espaço para as mulheres lésbicas e qualquer demonstração de amor em toda sua diversidade. No rolê, as DJs comandam diversos estilos, do pop ao funk, que fazem dançar e vibrar gente linda e muito amor. O Eixão 44 é um coletivo sem fins lucrativos, políticos ou religiosos, tendo como única prerrogativa o feminismo e o combate ao racismo, machismo e LGBTfobia.

Informações: 61 9.8109-9931 / 61 9.8146-5825


Bloco Posudxs
20 de fevereiro, às 14h – Taguatinga Norte, CNF 2

O primeiro bloco LGBTQIA+ de Taguatinga, traz o glamour do luxo neste que é um bloco autossustentável e tem como lema Sexualidade Não é Gênero. Posudxs é uma manifestação da cultura Ballroom de Brasília com batalhas de vogue premiadas, muita música e arte.

Informações: 61 9.9587-2230


Bloco do Prazer
21 de fevereiro, das 18h às 23h – Praça dos Prazeres (201 Norte)

O bloco se inspira na alegria da música brasileira em uma mistura rítmica democrática e revolucionária. Quem puxa o desfile é a DJ e artista perfomática Karla Testa e a DJ e designer Mica Brega. Em 2020, segue sua tradição de convidar artistas que estão fervendo no cenário musical brasiliense.

Informações: 61 9.8313-6233


Bloco Vai Ter Auê
21 de fevereiro, no Setor Carnavalesco Sul (SCS)
Informações: 61 9.8366-9488


Bloco Elas que Lutem
22 de fevereiro, a partir das 16h – Setor Carnavalesco Sul

Um bloco de Carnaval feito de brilho, com a missão em promover conexões entre diversão e consciência. Um espaço para compartilhar leveza, acolhimento, respeito, confiança e sustentabilidade. Elas que Lutem é seguro e acolhedor, livre de LGBTQIfobia, racismo, gordofobia, capacitismo ou elitismo.

Informações: 61 9.9673-6153 / 61 9.9800-6404 / 61 9.9925-7611


Bloco LIMBO
22 de fevereiro – Setor Comercial Sul, Quadra 5

Limbo é um coletivo de produção multimídia, que fricciona cultura e entretenimento. Suas produções apresentam música, performance vanguardista, instalação artística e cenografia. Há três anos as intervenções são realizadas de forma independente e de maneira espontânea e coletiva. Ouça apresentações musicais para transmissão na web soundcloud.com/no_limbo/sets/limbo-podcasts

Informações: 61 9.9971-3031 / 61 9.8464-6852


Leds Go Gay
22 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.99713031 / 61 9.8464-6852


LGBTS Folia

25 de fevereiro, às 15h –  Feira Permanente da Cidade Ocidental
29 de fevereiro, às 13h – Praça do Cine Itapuã, no Gama

O irreverente e animado bloco da diversidade, o LGBTS Folia nasceu para colorir a maior festa popular do DF. Atrações surpresa e DJs da cidade irão comandar a festa.

Informações: 61 9.8169-5971


REBU – O Bloco Sapatão

22 de fevereiro, a partir das 15h – Estacionamento 4, do Parque da Cidade

O Bloco mais sapaTÔMICO toma as ruas da cidade pelo segundo ano consecutivo e com novidade – a Banda REBU. Além de DJs e muito velcro, tem aquele rebuceteio, porque no universo da brejolândia – rebu é sagrado. O convite é pra chamar as “crush” tudo e os lemas são: Folia sempre com respeito e Não é não.

Informações: 61 9.8136-3035 / 61 9.8326-4516 / 61 9.9211-8315


Triângulo das Brejeiras
22 de fevereiro, das 9h às 15h – Estacionamento 4, do Parque da Cidade

Mais uma estreia no carnaval de Brasília, o bloco feminista Triangulo das Brejeiras aposta em programação descontraída e com pegada jovem. Realizada pelo coletivo de mulheres TinderBeer, o bloco quer marcar historia no carnaval da cidade com muita cor, diversão e irreverencia.

Informações: 61 9 9195-9317 / 61 9 8369-5836


Vou Embora com Circo
22 de fevereiro, a partir das 9h – Setor Carnavalesco Sul

Plural, inclusivo, circense, diurno, performático e malabarístico, o bloco é conduzido por artistas e acolhe as famílias LGBTQIA+. Diurno, a folia ocupa a rua com performances circenses apresentadas nos semáforos, lonas e palcos abertos.

Informações: 61 9.9682-9661


As Leis de Gaga
22 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.9999-8353


Vai Virado Viado
23 de fevereiro, das 5h às 12h – Setor Comercial Sul

Autointitulado como o “primeiro bloco after de Brasília” – surgiu em 2019 para reconhecer o crescimento e o potencial da cena eletrônica underground na capital federal. Com inspiração no Carnaval de São Paulo e do Rio, onde tradicionalmente a folia alternativa nunca dorme, a ideia do VVV é oferecer uma opção segura e conceitual para quem quer estender a festa até mais tarde. Além disso, tem como objetivo dar protagonismo para a comunidade LGBT, homenageando-a tanto por sua contribuição à cultura carnavalesca do Brasil como à cultura clubber do techno, house, electro e suas vertentes.

Informações: 61 9.8234-2770


Montadas – O Bloco da Diversidade
23 de fevereiro, Setor Bancário Norte

M-O-N-T-A-Ç-Ã-O é construir, unir partes, ora iguais, ora diferentes e é isso que propõe o Distrito Drag, coletivo que organiza o bloco. Não importa cor, sexo, aparência, religião, todes são bem-vindes a construir o bloco que reúne as diversidades de Brasília. O bloco é espaço para ser Drag pela primeira vez e para quem já arrasa na montação com cores, plumas, perucas, cílios e muita maquiagem.

Informações: 61 9.9676-1881


Bloco do Delírio

23 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.9296-1601


Bloco Vai, que Cola
24 de fevereiro, às 14h44 – Praça dos Prazeres (201 Norte)

Nasceu em 2019 com o intuito de abarcar a diversidade afetiva e corporal de linguagens artísticas e culturais do DF. Idealizado e produzido por duas lésbicas gordas, o bloco, leva a visibilidade sapatão para as vias carnavalescas do cerrado. Preza pelo surgimento de um ambiente de diversidade musical e partilha consenso, afetos e rechaça o racismo, LGBTQIA+ Fobia e gordofobia.

Informações: 61 9.8171-8756


Rainhas do Babado
24 de fevereiro – Praça dos Prazeres (201 Norte)

Informações: 61 9.9977-3032 / 61 9.8561-1416


Sereias Tropicanas
24 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.8652-1068


Bloco das Barbadas
24 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.8549-4248 / 61 9.9877-1678


Rainha da Folia
25 de fevereiro – Praça Central 3, de Riacho Fundo

Informações: 61 9.8209-9544


Bloco das Caminhoneiras
25 de fevereiro – Estacionamento 4, do Parque da Cidade

A comunidade de lésbicas ganha mais bloco. Satirizando um termo atribuído a mulheres lésbicas, o bloco das Caminhoneiras realizara estreia com programação toda composta por mulheres lésbicas e bissexuais e promete além das tradicionais marchinhas (não-sexistas), um mix musical que vai do pop, rock ao funk e axé.

Informações: 61 9.8136-3035


Gregos & Goianos
25 de fevereiro – no Estacionamento 4, do Parque da Cidade

Informações: 61 9.8324-5435


Bloco Pop Up Drag
25 de fevereiro – no Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.9645-7638


Entro hétero, saio virad@
25 de fevereiro – Setor Carnavalesco Sul

Informações: 61 9.8521-4737

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.