No início, o termo “poc” era utilizado de forma pejorativa dentro da própria comunidade LGBTQIA+ para se referir aos gays mais afeminados, derivado da onomatopeia “poc poc”, que seria o barulho feito pelo salto alto.

A ideia, no início da década de 2000, era menosprezar os homossexuais mais novos que não tinham muito dinheiro e com trejeitos bem afeminados. Um sinônimo seria “gay pão com ovo”.

No entanto, com o tempo passou a ter um novo significado e atualmente não possui a conotação ofensiva de outrora. Hoje, o termo “poc” é símbolo de empoderamento e uma maneira carinhosa e humorada de gays se chamarem uns aos outros, afinal, o xingamento só existe quando uma das partes se sente desrespeitada. A partir do momento que ela fala: “sou mesmo, e daí?!” e utiliza aquela definição com uma visão mais positiva, a palavra negativa perde sua força e até mesmo seu sentido.

Gabeu se autodenomina como "poc" e define seu estilo musical como Pocnejo (Foto: Reprodução)
Gabeu se autodenomina como “poc” e define seu estilo musical como Pocnejo (Foto: Reprodução)

Gabeu, filho do cantor Solimões, é um dos artistas que levou a palavra a ser mais conhecida nacionalmente por categorizar sua música como “Pocnejo”, que é o sertanejo dedicado aos gays.

“O pocnejo é o sertanejo, porém ele traz questões que nunca foram abordadas pelo gênero. Eu me pergunto se a comunidade LGBT+ não consome o sertanejo como consome outros estilos musicais porque realmente não gostamos ou se é porque não nos enxergamos nas narrativas, e tudo me leva a pensar que é a segunda opção.” – disse Gabeu em entrevista ao GayBlogBr.

Vale dizer que um meme muito popular é o “murro na poc”, que acabou se popularizando com o tempo na web.

E você? Se define como uma “Poc“? Qual a sua opinião sobre este assunto? Diga-a nos comentários!

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".