GAY BLOG BR by SCRUFF

Um homem da Inglaterra chamado Malcolm MacDonald sofreu uma infecção grave que resultou na perda de seu pênis e, para preservar o órgão genital, os médicos o implantaram em seu braço por um período de seis anos. Recentemente, ele conseguiu uma nova cirurgia para recolocar o órgão genital em seu lugar de origem, e MacDonald relata que conseguiu voltar a ter relações sexuais.

A situação original ocorreu em 2010, quando MacDonald foi diagnosticado com uma infecção na região do períneo e, em um dia aleatório, o seu pênis “caiu no chão”. O caso inusitado acabou rendendo um documentário chamado “O homem com um pênis em seu braço”, da BBC britânica.

Somente agora, seis anos depois, os médicos da University College Hospital de Londres conseguiram fabricar um novo órgão funcional usando parte da pele do seu braço esquerdo. O procedimento também contou com a retirada de nervos e vasos sanguíneos para que fossem costurados na parte de baixo do abdômen para estabelecer o suprimento de sangue. Os urologistas trabalharam junto com cirurgiões plásticos para ele ter uma uretra funcional.

Homem tem pênis realocado após ficar com órgão anexado ao braço por 6 anos
Foto: Men´s Health

“Foi uma operação de nove horas”, afirmou MacDonald. “A primeira coisa que fiz foi olhar para baixo e pensei: ‘Não acredito. Eles conseguiram desta vez'”, continuou.

Além disso, MacDonald explicou que a cirurgia para reimplantar o pênis ao seu lugar de origem foi adiada sucessivas vezes por diversas razões, principalmente equívocos no agendamento, falta de profissionais e também a covid-19.

“As pessoas me perguntavam sobre isso quando me viam em um bar e, claro, faziam piadas”, disse. “Mas eu entendo. Não é todo dia que você vê um homem com um pênis no braço. Eu vejo o lado engraçado disso. Não tenho outra opção”.

MacDonald também conta que teve um episódio constrangedor quando ele tentou ajudar uma idosa em um supermercado a pegar um item na prateleira de cima. Ao levantar o braço, o pênis saiu da manga e quase atingiu a cabeça da senhora. “É algo para contar aos netos, não é?”, disse ele.

No documentário, ele também diz que a perda do pênis deixou sua autoestima muito abalada, e que também resultou no divórcio com sua esposa. Agora, com o órgão resinserido abaixo do púbis, ele espera ter uma nova vida.




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"