GAY BLOG BR by SCRUFF

O primeiro episódio da temporada 2021 de “Saturday Night Live” contou com a presença do ator John Krasinski, mais conhecido por ser o personagem Jim Halpert em The Office.

Enquanto John Krasinski fazia seu monólogo de abertura, algo tradicional no programa desde o seu início nos anos de 1970, ele respondeu a uma pergunta se Jenna Fischer, que é seu par romântico na série, apareceria para dar um beijo.

“Gente, era tudo ficção, eu e a Jenna somos amigos e também somos casados com outras pessoas” – respondeu. Foi daí que o comediante Pete Davidson, que integra o elenco da atração, apareceu em cena, se apresentou com o nome da personagem de Jenna, deu um beijo ao vivo em Krasinski em frente as câmeras.

O beijo entre ambos ocorre a partir do minuto 4:

John Krasinski e Pete Davidson dão beijo na boca durante reestreia de "SNL"
O beijo entre ambos – Reprodução

Integrantes do Nirvana se beijaram ao vivo no SNL para provocar homofóbicos

Em 1992, a banda Nirvana fez uma apresentação no famoso programa Saturday Night Live e, visando provocar os homofóbicos do país, resolveram dar um beijo gay no final do programa.

O elenco e os convidados musicais tavam festejando enquanto os créditos passavam na tela, e o baixista puxa o baterista David Grohl e dá um beijo na boca, aparentemente de língua. O vocalista Kurt Cobain ri e aproveita a situação para beijar o colega e depois roda nos braços de Grohl.

Segundo o baterista, o objetivo dos beijos era “irritar os rednecks e homofóbicos”, algo que aparentemente deu certo, considerando que nas reprises do SNL houve uma censura das cenas dos beijos.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".