População de Travestis e Transsexuais terão formação gratuita em Cuidadores de Idosos

O Instituto Amazônia Saúde e Bem-estar, um centro de referência em envelhecimento saudável e longevidade, criou um projeto social TRANSCUIDADORXS

Em função do envelhecimento populacional no Brasil e no mundo, houve um crescimento no mercado de trabalho para profissionais especialistas nos cuidados às pessoas idosas. Pensando nisto, o Instituto Amazônia Saúde e Bem-estar, um centro de referência em envelhecimento saudável e longevidade, criou um projeto social TRANSCUIDADORXS e estará promovendo o primeiro curso gratuito e sem fins lucrativos de formação de Cuidadores de Idosos dedicado ao público LGBTT (mais especificamente a transexuais e travestis em situação de vulnerabilidade social). O projeto conta com apoio da militante, Amanda Mapfre, personalidade atuante na defesa dos direitos e da cidadania do público LGBTT.

Os cursos serão de natureza presencial, com 80 horas de aulas, teóricas e práticas, e mais estágio que consiste em visitas técnicas a centro dias e Instituições de longa permanência para idosos. O corpo docente é constituído de professores da área da saúde (médicos, fisioterapeutas, psicólogos e enfermeiros) com experiência em gerontologia e que são professores do MED Masteclass, empresa de educação continuada e permanente em saúde que já possui em seu rol de cursos, o de cuidador.

Esta formação será uma nova possibilidade de inserção da população TT ao mercado de trabalho e possibilidades de novos ganhos financeiros. Ao final do curso os alunos estarão habilitados e capacitados para atuarem na prestação de cuidados de saúde e assistência social às pessoas idosas com algum grau de dependência e necessidades, seja em ambiente domiciliar ou institucional, seja no setor público ou privado.

Para mais informações:
www.iamasb.com.br / @clinicainstitutoamazonia
www.medmasterclass.com.br / @medamasterclass

Comente