Rogéria deixa UTI e quadro clínico não é mais tão grave, segundo empresário

1500001747596835d3acc3b_1500001747_16x9_md

No início da tarde desta quinta-feira (20), a atriz Rogéria foi transferida para um quarto particular, após seis dias internada na Unidade de Tratamento Intensivo da Casa de Saúde Pinheiro Machado, na zona sul do Rio de Janeiro, por  conta de uma infecção urinária.

“Ela melhorou bastante nos últimos dias e aí os médicos optaram por colocá-la no quarto, já que o quadro clínico não é mais tão grave. Os exames mostraram que a saúde de Rogéria inspira cuidados, mas sem riscos”, contou o empresário Alexandre Haddad.

Por enquanto, as visitas continuam proibidas para evitar agitação da paciente. Rogéria foi internada na quinta-feira (13), depois de se queixar de fortes dores nas costas. No dia seguinte da internação, a atriz chegou a sofrer uma convulsão e até precisou do auxílio de ventilação mecânica para respirar. Segundo Haddad, ainda não há previsão de alta.

SOBRE ROGÉRIA

Rogéria começou sua carreira como maquiadora da TV Rio, e ao conviver com inúmeros atores célebres teve o que descreveu como equivalente de uma estadia no Actors Studio, sendo estimulada a interpretar. Sua estreia ocorreu em 29 de maio de 1964, em um notório reduto gay de Copacabana, a Galeria Alaska.

Figura frequente no cinema brasileiro, participou também como jurada em vários programas de auditório nas últimas décadas, de Chacrinha a Gilberto Barros e também Luciano Huck.

Rogéria foi coreógrafa da comissão de frente da Escola de Samba São Clemente, representando Maria, a louca, num enredo que tratava dos 200 anos da vinda da família real ao Brasil. Em sua passagem, foi recebida com carinho pelo público.

Em 2016, lançou sua biografia Rogéria – Uma mulher e mais um pouco, de Marcio Paschoal.

Com informações do UOL.