Sandra de Sá e esposa querem adotar uma criança

Durante o Rock in Rio, no último dia 28 de setembro, a cantora Sandra de Sá levou seu filho, Jorge de Sá, para curtir o camarote da Heineken. Ao ser perguntada sobre seu casamento com Simone Floresta, Sandra contou que o casamento está indo muito bem sim e que estão com planos de adotar uma criança.

“Penso muito em adotar” – disse. “Minha mãe dizia que eu pensava em adotar desde quando ainda era menina. Tem tanta criança nesse mundo precisando de amor e carinho”.

A cantora é conhecida por ser “apaixonada pelo papel de mãe“. Seu filho, Jorge, também comenta um pouco sobre sua relação com a mãe:

“A gente sai pouco, mas é como sair como sua melhor amiga. A diferença é que você não pode ser muito amigo da mãe, senão vira bagunça. A melhor coisa do mundo é ser paparicado”, contou.

Sobre a ausência da esposa no camarote, ela comenta que ganhou um “vale night” para aproveitar a noite apenas com o filho, mas que na semana que vem ambas deverão ir ao Rock in Rio.

“A gente tinha marcado uma reunião, mas semana que vem viremos juntas. Gosto de vir, rever amigos e fazer amigos” – comenta Sandra.

sandra de sá
Foto: reprodução

CASAMENTO DE SANDRA DE SÁ

A cantora se casou pela primeira vez em 2017, aos 62 anos, com a artista plástica e compositora Simone Floresta, após um ano e meio de relacionamento. A cerimônia foi organizada pela promoter Carol Sampaio no resort Hode Luã, na Ilha de Guaratiba, no Rio de Janeiro.

Na ocasião, a Sandra de Sá explicou que a conexão entre ambas é muito forte em diversos sentidos.

“Já temos composições nossas, estamos escrevendo outras coisas. A parceria é geral e incrível tanto na vida quanto no trabalho, no escritório e na cama, claro”.

Sandra disse a revista Época que o casamento entre as duas é mais uma ajuda para dissolver o preconceito: “A gente é família, sim. Somos ousadas, não temos medo de sermos felizes. A cura para tudo está aí”.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek e agora está em busca de novos desafios. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".