GAY BLOG BR by SCRUFF

Conhecido pelo estilo “surfista californiano”, Tab Hunter (1931 – 2018) teve como nome de batismo Arthur Andrew Kelm. Ator, cantor, e produtor de cinema, atuou em mais de 40 filmes, sendo um dos astros de Hollywood nas décadas de 1950 e 1960.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

Como cantor, Hunter emplacou em 1957 a canção “Young Love”, número um na Billboard 100 Hot por seis semanas. A música tornou-se um dos maiores sucessos do rock and roll. Chegou a vender mais de um milhão de cópias, sendo premiado com um disco de ouro.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

Com hit emplacado, a carreira de ator também estava no auge, atuando em filmes de sucesso nos anos posteriores. Após quase duas décadas de êxito, sua trajetória foi ressuscitada nos anos 1980, quando atuou ao lado de Divine em Polyestere “Lust in the Dust”.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

A autobiografia de Hunter, “Tab Hunter Confidential: The Making of a Movie Star” (2005; coescrita com Eddie Muller), tornou-se um best-seller do New York Times. O livro foi indicado para vários prêmios e reentrou na lista dos best-sellers pela terceira vez, em 2015, após o lançamento de um documentário baseado no livro.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

Um boato que existia há décadas foi esclarecido: Hunter era gay. Os rumores começaram a surgir no ápice da fama. Namoros fakes com estrelas como Debbie Reynolds e Natalie Wood foram criados pelos estúdios para abafar as, até então, suspeitas de sua homossexualidade.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

“A vida foi difícil para mim, porque eu estava vivendo duas vidas naquela época. Uma vida particular, que nunca discuti, nunca falei com ninguém. E então minha vida em Hollywood, que estava apenas tentando aprender meu ofício e ter sucesso”. O astro lembrou que o termo “gay” nem sequer existia na época: “Eu estava em total negação”, disse ele.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

Ainda sim, longe da mídia, o ator conseguiu manter relacionamentos longos. Um deles com o também ator Anthony Perkins, nos anos 1950. Os dois saíam no mesmo carro com duas moças e, logo que estavam afastados dos curiosos, dispensavam as meninas e iam juntos para a casa.

foto
Tab Hunter – crédito: reprodução

Sua lista de namorados e “ficantes” inclui o patinador artístico Ronnie Robertson, Rock Hudson, Rudolf Nureyev, James Dean – antes de manter uma união de longa data com o produtor de filmes Allan Glaser.

Três dias antes de seu aniversário de 87 anos, em 2018, Hunter morreu ao sofrer uma parada cardíaca que surgiu de complicações relacionadas à trombose venosa profunda.

foto
Tab Hunter e Anthony Perkins- crédito: reprodução



Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.