Com texto de Vinícius de Oliveira e direção de Ricardo Grasson, São Paulo recebe a terceira temporada do espetáculo Somos Tão Jovens. A peça foi inspirada no espetáculo “Garotos”, de Leandro Goulart, no filme “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”, de Daniel Ribeiro, e no livro “As Meninas”, de Lygia Fagundes Telles.

GAY BLOG BR by SCRUFF
Com texto Vinícius de Oliveira e direção de Ricardo Grasson, "Somos Tão Jovens" está indicado ao Prêmio Aplauso Brasil na categoria Voto Popular
Com texto Vinícius de Oliveira e direção de Ricardo Grasson, “Somos Tão Jovens” está indicado ao Prêmio Aplauso Brasil na categoria Voto Popular. Foto: Divulgação

O espetáculo traz a história de seis adolescentes que se sentem livres para expressar e compartilhar tudo que estão sentindo e vivendo, sem filtros nem meias palavras. Suas dúvidas, seus medos e suas angústias se alternam com as alegrias, erros e acertos das personagens vividas por Júlio Oliveira (Théo), Gabriel Moura (Renato), Fernando Burack (Daniel), Danillo Branco (Guilherme), Luís Fernando Delalibera (Plínio) e Marcos Oli (Beto).

somos tão jovens
Com texto de Vinícius de Oliveira e direção de Ricardo Grasson. Foto: Divulgação

Ambientado em cenários lúdicos de uma metrópole (um barzinho, um apartamento, um terraço), os temas abordados são tão diversos quanto as questões que sempre povoaram a vida dos jovens na fase de amadurecimento. O espectador é conduzido por um universo surreal, recheado de medos, incertezas, sonhos, alegrias, angústias, paixões, rebeldias e devaneios. No decorrer da trama, afloram questões ligadas a preconceitos, uso de drogas, relacionamentos afetivos e sexualidade.

O diretor Ricardo Grasson comenta que Somos Tão Jovens está em plena sintonia com os dias atuais, onde os diálogos são cada vez mais difíceis. Ele explica que a aposta da direção na simplicidade e na mensagem direta para o jovem confere dinamismo e fluidez à encenação. “O teatro tem a característica de mostrar a vida como ela realmente é para, assim, propor questionamentos. Não importa se é clássico ou contemporâneo, o bom do teatro é a possibilidade de falar do ser humano com todas as camadas que o envolve”, disse ao Jornal do Dia.

SERVIÇO

Teatro Décio de Almeida Prado
Rua Lopes Neto, 206 – Itaim Bibi – São Paulo/SP
Telefone: (11) 3079-3438. Capacidade: 186 lugares
Horários: sábados (às 21h) e domingos (às 19h)
Ingressos: R$ 30,00 (meia-entrada: R$ 15,00)
Bilheteria: 1h antes das sessões. Aceita dinheiro e cartão de débito
Ingressos online: www.sampaingressos.com.br
Duração: 70 min. Gênero: Jovem / LGBTQ+. Indicação: 14 anos

Mais informações: https://www.facebook.com/events/329174841107987/

Ficha técnica

Dramaturgia: Vinicius de Oliveira. Direção: Ricardo Grasson. Assistência de direção: Heitor Garcia. Elenco: Júlio Oliveira, Gabriel Moura, Fernando Burack, Danillo Branco, Luís Fernando Delalibera e Marcos Oli. Figurino e adereços: Rosângela Ribeiro. Desenho e operação de luz: Pati Morim Lobato. Trilha sonora: Kelly Martins. Operação de som: Tomé de Souza. Direção de produção: Ricardo Grasson. Produção executiva: Gabriela Gama. Assessoria de imprensa: Verbena Comunicação. Realização e produção: NOSSO Cultural.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.