GAY BLOG BR by SCRUFF

De acordo com dados da ONG SaferNet, que atua no combate aos crimes virtuais, as denúncias contra LGBTfobia na internet registraram alta de 106% entre janeiro e a primeira metade de junho de 2021 quando comparado ao mesmo período do ano passado. Foram 2.529 denúncias de homofobia este ano, contra 1.226 em 2020. As informações são do G1.

“Nós tivemos nos últimos anos um avanço muito significativo na conquista de direitos civis especialmente da população LGBT”, disse a diretora da SaferNet, Juliana Cunha. “Isso faz com que haja uma espécie de reação e uma tentativa de retrocesso dessas conquistas”, completa.

Em São Paulo, a Parada do Orgulho LGBT precisou adotar mecanismos para impedir os comentários LGBTfóbicos durante a transmissão. Em 2020, foram cerca de 200 mensagens com ameaças de morte à população LGBT, e cada um deles está sendo investigado e o caso será denunciado ao Ministério Público Federal.

Denúncias contra LGBTfobia na internet cresceram 106%
Reprodução

Na Parada de 2021, uma equipe de técnicos usou filtros para bloquear mensagens do gênero e as que escapavam eram apagadas manualmente pelos profissionais. Segundo o vice-presidente da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, Renato Viterbo, este ano não teve nenhum tipo de ameaça grave.

“A nossa preocupação não é afrontar a sociedade, e sim ser feliz da maneira que nós somos, da maneira que nascemos”, afirmou.

Aqueles que quiserem fazer denúncias de práticas homofóbicas devem utilizar o portal da Safernet e apertar na opção “LGBTFOBIA”, por o URL do site e o comentário. Após isso, é gerado um número de protocolo para acompanhar o processo.

Casos LGBTfóbicos incluem discriminações que podem ser discretas e sutis, como negar a prestação de serviços, não contratar ou evitar promoções no trabalho, às vezes um deboche ou qualquer desconforto que a pessoa sinta.

Vale dizer que desde 2019, o Supremo Tribunal Federal decidiu que o crime de LGBTfobia deve ser equiparado ao crime de racismo.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF possui mais de 15 milhões de usuários no mundo todo. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os LGBTs que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. Baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"