GAY BLOG BR by SCRUFF

O campeão de esqui americano Gus Kenworthy, conhecido por representar os Estados Unidos durante os Jogos Olímpicos de Inverno em 2014 e 2018, além de ter participado do American Horror Story, resolveu postar uma foto celebrando o tradicional Dia de Ação de Graças vestido de drag queen. As informações são do Queerty.

Como é possível ver nas imagens acima, ele tirou várias fotos, incluindo com várias outras drags, no famoso hotel Chateau Marmont em West Hollywood.

Em outubro de 2020, Kenworth concedeu uma entrevista a jogadora de futebol Megan Rapione no IGTV e comentou que chegou a pensar em desistir da vida antes de se revelar gay em 2015, aos 24 anos.

“Durante boa parte da minha carreira, minha saúde mental foi deixada de lado, e eu me sentia mal por não estar fora do armário, pois estava escondendo uma grande parte de mim mesmo e da minha vida, então havia muito tempo e energia sendo gasta para guardar esse segredo (…) acabei me deparando com depressão em alguns momentos da minha vida e tive pensamentos suicidas”, disse.

Jogador de esqui, Gus Kenworth, aparece montado de drag
Reprodução / Instagram

Ele também esclarece que teve muitas dificuldades em se aceitar e se orgulhar de quem ele é, mas que depois que expôs sua orientação sexual, foi a melhor decisão para sua saúde mental.

“Meu ano após a saída do armário foi o melhor até hoje. Me senti tão livre e um peso enorme saiu das minhas costas, e até poder esquiar abertamente, honestamente e autenticamente, compartilhando inteiramente quem eu sou, fez uma enorme diferença” – disse, dizendo também que quando ele ainda “estava no armário”, ele sempre esperava para ser o último a dormir, pois ele fala durante o sono e ele poderia acabar revelando alguma coisa – “São várias pequenas coisas como essas, mas que nos deixam exaustos”.

Gus Kenworthy também diz que à saúde mental é muito importante, e que ele anda muito feliz que assuntos relacionados a comunidade LGBTQIA+ andam sendo debatidos com mais frequência nos últimos tempos.

“É importante para todos, mas especialmente para as crianças LGBTQ que têm um risco muito maior de se machucar ou cometer suicídio” – disse.

Jogador de esqui, Gus Kenworth, aparece montado de drag
Reprodução

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"