GAY BLOG BR by SCRUFF

Quem acompanha a noite paulistana, mais especificamente o entretenimento noturno no Brasil, conhece Silvetty Montilla. A drag queen representa o público LGBTQI+ na capital paulista há mais de três décadas através das apresentações em casas noturnas, trabalhos culturais e audiovisuais.

Ao longo de sua carreira, Silvetty é presença constante em programas de televisão em rede nacional, como o TV Fama (Rede TV), Programa Eliana (SBT) e o humorístico da TV Globo Toma Lá, Dá Cá. O último rendeu uma participação de dois anos no elenco do grupo “Terça Insana”, stand-up comedy que percorreu diferentes cidades do Brasil.

“Vivo a noite há mais de 30 anos e muita coisa mudou. A representatividade do público LGBTQI+, por exemplo, é algo que vi nascer. No início dos anos 80, por exemplo, não existia o show de drags que todos comentam” conta Montilla.

Durante a pandemia, Silvety Montilla usou seu o canal no YouTube, com mais de 70 mil seguidores, para apresentar dois programas: “Espuma com Montilla”, que recebe convidados para entrevistas, e “Cozinha com Montilla”, onde os convidados e a apresentadora apresentam os dotes culinários.

Silvety Montilla sobre a pandemia: "A internet foi fundamental para a sobrevivência do entretenimento"
Divulgação

A RuPaul Brasileira

As semelhanças de Silvetty Montilla e RuPaul não são apenas físicas. O reality show americano, que já é apresentado nos Estados Unidos há mais de 12 temporadas, quase ganhou uma versão brasileira e o nome da drag queen brasileira foi cogitado para comandar a atração.

“Eu adoraria” conta Silvetty sobre a possibilidade. “As drag queen precisam ser vistas, elas existem. O gay, a lésbica e o travesti, aos poucos, foram conquistando papeis em produções audiovisuais, seja na televisão, cinema, teatro e nas séries. RuPaul representa o mundo drag e uma versão brasileira seria a oportunidade de o Brasil se mostrar e ser visto” acrescenta.

Vale lembrar que ela comandou o reality show “Academia de Drags”, no Youtube. O feito lhe rendeu as comparações e o apelido “RuPaul brasileiro“.

Silvety Montilla sobre a pandemia: "A internet foi fundamental para a sobrevivência do entretenimento"
Divulgação

POC AWARDS

Silvetty é indicada ao troféu “Personalidade do Ano” na edição 2020 do Poc Awards, promovido pelo GAY BLOG BR. Para votar, basta entrar neste link.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".