GAY BLOG BR by SCRUFF

Quem acompanha a noite paulistana, mais especificamente o entretenimento noturno no Brasil, conhece Silvetty Montilla. A drag queen representa o público LGBTQI+ na capital paulista há mais de três décadas através das apresentações em casas noturnas, trabalhos culturais e audiovisuais.

Ao longo de sua carreira, Silvetty é presença constante em programas de televisão em rede nacional, como o TV Fama (Rede TV), Programa Eliana (SBT) e o humorístico da TV Globo Toma Lá, Dá Cá. O último rendeu uma participação de dois anos no elenco do grupo “Terça Insana”, stand-up comedy que percorreu diferentes cidades do Brasil.

“Vivo a noite há mais de 30 anos e muita coisa mudou. A representatividade do público LGBTQI+, por exemplo, é algo que vi nascer. No início dos anos 80, por exemplo, não existia o show de drags que todos comentam” conta Montilla.

Durante a pandemia, Silvety Montilla usou seu o canal no YouTube, com mais de 70 mil seguidores, para apresentar dois programas: “Espuma com Montilla”, que recebe convidados para entrevistas, e “Cozinha com Montilla”, onde os convidados e a apresentadora apresentam os dotes culinários.

Silvety Montilla sobre a pandemia: "A internet foi fundamental para a sobrevivência do entretenimento"
Divulgação

A RuPaul Brasileira

As semelhanças de Silvetty Montilla e RuPaul não são apenas físicas. O reality show americano, que já é apresentado nos Estados Unidos há mais de 12 temporadas, quase ganhou uma versão brasileira e o nome da drag queen brasileira foi cogitado para comandar a atração.

“Eu adoraria” conta Silvetty sobre a possibilidade. “As drag queen precisam ser vistas, elas existem. O gay, a lésbica e o travesti, aos poucos, foram conquistando papeis em produções audiovisuais, seja na televisão, cinema, teatro e nas séries. RuPaul representa o mundo drag e uma versão brasileira seria a oportunidade de o Brasil se mostrar e ser visto” acrescenta.

Vale lembrar que ela comandou o reality show “Academia de Drags”, no Youtube. O feito lhe rendeu as comparações e o apelido “RuPaul brasileiro“.

Silvety Montilla sobre a pandemia: "A internet foi fundamental para a sobrevivência do entretenimento"
Divulgação

POC AWARDS

Silvetty é indicada ao troféu “Personalidade do Ano” na edição 2020 do Poc Awards, promovido pelo GAY BLOG BR. Para votar, basta entrar neste link.

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"

1 COMENTÁRIO