GAY BLOG BR by SCRUFF

O ator francês Christophe Paou exibiu seu órgão genital durante algumas das cenas do filme de comédia “Orange Sanguines”, lançado este ano em Cannes. Quem já está com idade para tirar carteira de motorista e queira dar uma conferida em algumas das imagens, clique aqui.

Paou ficou mais conhecido aqui no Brasil por protagonizar o filme “Um Estranho no Lago“, um suspense erótico exibido pela primeira vez no Festival de Cannes. Nele, há diversas cenas de sexo gay, com direito a masturbação e ejaculação.

Famoso em seu país de origem, Christophe Paou nasceu no dia 25 de fevereiro em 1969, em Blois. Ao finalizar o ensino médio, Christophe ingressou na Escola Superior de Produção Audiovisual (ESRA), tendo aulas de comédia e improvisação.

Cenas de nu frontal do ator francês Christophe Paou no filme "Oranges Sanguines" são divulgadas
Christophe Paou em “Um Estranho no Lago” (Reprodução)

Sua estreia nos palcos foi no final da década de 1990, com a peça Le Voyage d´Hindbab. Além disso, apareceu em diversas produções televisivas por lá e em filmes, tanto de curta-metragem quanto de longa.

Após nu frontal de Adam Demos na série Sex/Life, fãs questionam se é prótese

Em julho, saiu a notícia de que o drama erótico “Sex/Life“, que estreou no dia 25 de junho na Netflix, mostrou no terceiro episódio, por volta do minuto 19:50, uma cena de nu frontal do personagem Brad Simons (Adam Demos) após sair de um banho. Se você tiver idade o suficiente para tirar carteira de motorista e queria dar uma conferida na imagem, acesse aqui.

Após a exibição, muitos fãs questionaram se houve o uso de uma prótese para deixá-lo tão grande. Em resposta, o showrunner da série, Stacy Rukeyser, deixou “no ar” a possibilidade: “Posso repetir o que Adam Demos sempre: um cavalheiro não comenta. Então, vamos deixar essa para a imaginação do espectador“.

No TikTok, a hashtag #sexlifereaction, a partir da qual os fãs incentivam uns aos outros a assistirem a cena e compartilhar suas reações, já tem mais de 3,5 milhões de visualizações. No Twitter, o sucesso também foi imediato.

O drama erótico Sex/Life é uma adaptação do livro “4 homens em 44 capítulos”, da escritora americana BB Easton, e acompanha a vida sexual de Billie Connely (Sarah Shahi), que é casada com Cooper (Mike Vogel), porém fica em um triângulo amoroso quando ressurge seu ex-namorado, o Brad Simons. Está chamando bastante a atenção pela grande quantidade de cenas de sexo .

A sinopse oficial que que a história acontece quando “uma mãe suburbana de dois filhos faz uma viagem carregada de fantasia pela estrada da memória que coloca seu presente muito casado em uma rota de colisão com seu passado de criança selvagem”.

A série começou a ser produzida em 2019, quando anunciado que a Netflix havia dado à produção da série para uma primeira temporada consistindo de oito episódios. As gravações da série estavam originalmente programadas para começar na primavera de 2020, mas foi adiada devido à pandemia do COVID-19. As gravações iniciaram no dia 31 de agosto de 2020 conforme planejado e terminaram em 9 de dezembro em Missauga, no Canadá.

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"