This article is also available in: English

GAY BLOG BR by SCRUFF

Pelo Twitter, o publicitário @nandomktdigital alertou sobre um post transfóbico realizado pelo Pastor Rodrigo Mocellin. Sob a escrita “Miss Goiás é homem” na imagem, o religioso escreveu na legenda do post no Instagram os dizeres: “Um homem é a Miss Goiás, mas as feministas estão em silêncio diante dessa opressão masculina. Por quê? Porque feminismo não defende as mulheres, defende a esquerda.”

A Miss em questão é a modelo Rayka Vieira, de 25 anos, sendo a primeira mulher trans a ser oficializada como representante de Goiás no Miss Brasil Mundo. Em entrevista ao G1, ela diz se considerar já uma vitoriosa em ter conquistado essa vaga.

“[Ser Miss] É ser muito mais do que uma mulher bonita, é ser uma mulher que abraça todas as causas sem distinção, com amor e com determinação, que usa a sua voz pelo bem, alguém que, com a visibilidade, pode ajudar em várias causas.” 

O QUE CARACTERIZA A TRANSFOBIA?

A transfobia, por ser tão enraizada em nossa sociedade, é tratada com naturalidade e bastante reforçada com estereótipos, sendo qualquer tipo de preconceito, aversão ou discriminação com as pessoas transexuais. Não se resumindo apenas a agressões físicas, a violência psicológica e o desrespeito também se caracterizam como transfobia.

No caso do pastor, o posicionamento é considerado transfóbico por não respeitar a identidade de gênero da Miss Goiás, que se vê e se entende como mulher, fez a transição para se adequar ao gênero com o qual lhe corresponde, porém, o pastor atribui seu gênero ao correspondente de seu nascimento.

Outras frases comuns que caracterizam a transfobia enraizada, mesmo que de forma não proposital, incluem: “você é linda, parece até mulher mesmo”, “você fez a cirurgia?”, “se não me contasse, eu jamais imaginaria que você fosse homem/mulher (se referindo ao gênero designado no nascimento)”, “você não será mulher, pois sua genética é XY”, “qual seu nome de verdade?”.

This article is also available in: English

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".