Pela primeira vez em 47 anos, Globo exibe beijo gay em novela das 18h – Orgulho e Paixão

A cena foi ao ar esta quarta-feira, 12, em “Orgulho e Paixão”. O romance aconteceu entre o casal Luccino (Juliano Laham) e Otávio (Pedro Henrique Müller).

A novela Orgulho e Paixão exibiu hoje, data a qual o escritor Caio Fernando Abreu comemoraria 70 anos, o primeiro beijo gay no folhetim das 18h. Foram 47 anos sem representação do romance gay. Até a vespertina Malhação já teve sua cena de romance homoafetivo.

A cena foi ao ar nesta quarta-feira, protagonizada pelo casal Luccino (Juliano Laham) e Capitão Otávio (Pedro Henrique Müller). No episódio, Luccino e Otávio conversavam sobre o futuro de seu relacionamento. Assista:

“O que eu vou fazer quando você voltar para o quartel e a angústia apertar de novo?”, perguntou o personagem de Laham. “Quando eu tiver que sair, tente pensar em coisas boas. Pense em comprar peças novas para a sua moto, pense no macarrão da sua mamma, que esse você não enjoa. Pense em dar um mergulho na cachoeira que você adora…”, respondeu o militar.

Após uma sequência de declarações, o personagem de Laham puxou o rosto do namorado e o beijou pela primeira vez. Otávio, no entanto, acabou se assustando com o carinho.

“Que loucura que eu fiz? Onde eu estava com a cabeça, Luccino? Eu deixei o Randolfo [Miguel Rômulo] sozinho com os meus soldados”, disse Otávio, que saiu em disparada ao quartel, constrangido por beijar o namorado.

á houve tentativas mostrar o beijo em capítulos anteriores. Foto: reprodução
Já houve tentativas mostrar o beijo em capítulos anteriores. Foto: reprodução
Cena da novela "Orgulho e Paixão" que foi ao ar na quarta, 12 de setembro. Foto: reprodução
Cena da novela “Orgulho e Paixão” que foi ao ar na quarta, 12 de setembro. Foto: reprodução

FOLHETIM DAS 18H

A Globo inaugurou a “novelas das seis” em 1971, com Meu Pedacinho de Chão. Embora algumas tramas já tenham apresentado personagens homossexuais, Orgulho e Paixão entra para a história por ser a primeira trama do horário a exibir um beijo entre pessoas do mesmo sexo.

O tabu do “beijo gay” em novelas foi quebrado pela Globo em 2013, protagonizado por Mateus Solano e Thiago Fragoso em Amor à Vida, exibida na faixa das 21h. Depois, outras tramas do horário também apostaram em cenas semelhantes, como Em Família (2014), Império (2014), Babilônia (2015) e O Outro Lado do Paraíso (2017). Na faixa das 23h, Verdades Secretas (2015) e Liberdade, Liberdade (2016) tiveram beijo entre homossexuais, assim como Malhação – Viva a Diferença (2017). Com informações de noticiasdatv.uol.com.br