GAY BLOG BR by SCRUFF

Nesta terça-feira (4), Israel passou a permitir que casais homossexuais e homens solteiros possam ter filhos através  de barrigas de aluguel. As informações são do portal G1.

Até então, a legislação do país proibia que pessoas que se enquadravam nessas condições tivessem filhos por meio de barrigas de aluguel.  Entretanto, a Suprema Corte decidiu que essas restrições deveriam acabar.

(Foto: Reprodução)

O ministro de Saúde, Nitzan Horowitz, afirmou que esse é um dia histórico para a luta da comunidade LGBTQIA+ em Israel. Devido a proibição, era comum que casais homossexuais que desejassem ter filhos por barriga de aluguel em Israel viajassem para outros países.

De acordo com a reportagem do G1, essa era uma demanda antiga da comunidade LGBTQIA+ de Israel, já que somente casais heterossexuais e mulheres solteiras podiam recorrer à gravidez por barriga de aluguel.

Em julho de 2021, a Suprema Corte israelense recebeu um processo que havia sido protocolado por ativistas LGBTQIA+ do país. Os ministros consideraram que a proibição violava os direitos de casais homossexuais e homens solteiros e que a regra deveria mudar em seis meses.

Desse modo, a nova lei passa a vigorar a partir desta terça-feira (4) em Israel. Agora, além de casais heterossexuais e mulheres solteiras, casais homossexuais e homens solteiros também podem gerar filhos através da barriga de aluguel.

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista gaúcho formado na Universidade Franciscana (UFN) e Especialista em Estudos de Gênero pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)