GAY BLOG BR by SCRUFF

This article is also available in: English Español

O documentário “Carta Para Além dos Muros” ganha uma versão compacta e feita para ser disponibilizada em sala de aula. O documentário será disponibilizado na plataforma de streaming VideoCamp a partir do dia 25 de fevereiro, através do apoio institucional da UNESCO e da UNAIDS BRASIL, patrocínio da Gilead Sciences Brasil e da Ítaca.

Documentário sobre HIV "Carta para Além dos Muros" é disponibilizado para escolas
Dr. Rico Vasconcelos – Frame/Divulgação

A nova versão tem o objetivo de ampliar o acesso ao documentário, que narra a trajetória da epidemia que escancarou ignorância e preconceitos em relação ao HIV e a AIDS no Brasil. Dirigido por André Canto, o filme investiga o estigma, o preconceito e a discriminação como produtos de uma sociedade que insiste em manter marginalizadas as pessoas que vivem com HIV – até hoje, quase 40 anos depois do primeiro caso diagnosticado, situações de medo, insegurança e exclusão são recorrentes nas pessoas que vivem com HIV.

Hoje sabemos que a epidemia, apesar dos importantes avanços científicos no tratamento e na prevenção, tem crescido entre adolescentes e jovens (15 a 24 anos) como aponta o Boletim Epidemiológico de HIV/Aids de 2020, do Ministério da Saúde. Toda semana 6.000 jovens são infectados no mundo pelo HIV, esta vulnerabilidade entre os adolescentes é uma tendência global, este grupo é o único onde a epidemia continua avançando com um risco relativo 50% maior em relação às outras faixas etárias.

O documentário, o primeiro do gênero a refazer a cronologia do HIV e da AIDS no país, encabeça o projeto #PrecisamosFalarSobreIsso, que também conta com uma série documental para a TV e um livro-reportagem que relatará todo o processo de sua pesquisa e realização.

No filme, o jovem Caio conta sobre quando descobriu que vive com HIV, momento a partir do qual teve que enfrentar seus próprios fantasmas, além do preconceito da família e da sociedade. Usando o depoimento de Caio como fio condutor, o filme passa a intercalar imagens de arquivo e entrevistas com médicos, pessoas que vivem com HIV, ativistas e figuras públicas, não só para contar a história do HIV e da Aids no Brasil, mas também para investigar o processo de construção do preconceito e estigma que ainda hoje recaem sobre Caio e todas as pessoas que vivem com o vírus – que vão desde a denominação da doença como “peste gay” na época do seu surgimento, passando pela classificação estigmatizante de “grupos de risco”, até o sensacionalismo de parte da imprensa, além dos julgamentos morais e religiosos no desenrolar da epidemia.

O Dr. Dráuzio Varella encabeça a lista de pessoas que dão depoimentos no filme. Além dele, o ex-ministro da Saúde José Serra, a cineasta e ex-VJ Marina Person, a mãe de Cazuza, Lucinha Araújo, e os médicos Ricardo Tapajós, Márcia Rachid e Ricardo Vasconcelos, expõem os motivos pelos quais a impressionante evolução na resposta médica e científica ao HIV não veio acompanhada de uma mudança de mentalidade e de preconceitos em relação à infecção.

SERVIÇO

  • Filme: #PrecisamosFalarSobreIsso – Carta para Além dos Muros
  • Lançamento: 25 de fevereiro
  • Plataforma: Videocamp

FICHA TÉCNICA

  • Brasil, 2020, 54 min, classificação indicativa 12 ANOS
  • direção: André Canto
  • montagem: Ricardo Farias
  • roteiro: André Canto, Gabriel Estrela, Gustavo Menezes e Ricardo Farias
  • direção de fotografia: Carlos Baliú
  • trilha original: Roberto Prado
  • edição de som: Camila Mariga e Cauê Custódio
  • mixagem 5.1: Rodrigo Ferrante
  • som direto: Rafael Alves Ribeiro
  • motion design: Rafael Terpins
  • supervisão de pós-produção: José Francisco Neto, ABC
  • color grading: Ely Silva, ABC
  • consultoria técnica: Ricardo Vasconcelos
  • direção de produção: Larissa Barbosa
  • produção executiva: André Canto e Gustavo Menezes
  • coprodutores: Gabriel Miziara e Gustavo Menezes
  • produtor associado: Marcos Arzua Barbosa
  • produzido por: André Canto

This article is also available in: English Español

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"