De 1 a 8 de dezembro, Sesc São Paulo realiza programação sobre o HIV em todo o estado

Em sua segunda edição, o projeto Contato aproxima o público de discussões sobre o HIV/Aids e outras ISTs por meio de ações artísticas e educativas, além de estimular o autocuidado

Entre os dias 1 e 8 de dezembro, o Sesc São Paulo realiza ma série de ações que visam a promoção da saúde sexual e a prevenção das Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), entre elas o HIV/Aids. Bate-papos, oficinas, exibições, espetáculos, performances, entre outras atividades acontecerão em 34 unidades da capital, interior e litoral.

De 1 a 8 de dezembro, Sesc São Paulo realiza programação sobre o HIV em todo o estado
Foto: Adriano Milan

Em sua segunda edição, o projeto “Contato” traz ao centro do debate as experiências, os direitos e os desafios existentes na vida das pessoas que vivem com HIV/Aids, sem deixar de lado as informações sobre prevenção. A partir de uma série de atividades que buscam sensibilizar e refletir sobre a saúde sexual de maneira humanizada e atualizada, Contato reforça o compromisso do Sesc em promover a saúde e o bem-estar, presente em suas ações ao longo de todo o ano.

O Sesc Pompeia recebe duas edições do “Conversa Musical”, um bate-papo seguido de apresentação musical. No sábado (30/11), às 17h, o cantor Gabriel Estrela (Gaê) participa compartilhando sua trajetória musical na qual fala sobre o HIV por meio da arte, do ponto de vista da informação e do acolhimento. Já no sábado (7/12), às 15h30, é a vez da cantora e compositora Maria Sil apresentar seu trabalho, que traz questões de gênero, sexualidade e HIV/Aids.

No mesmo dia e local, às 17h, os artistas Flip Couto, Kako Arancibia e Micaela Cyrino prosseguem a discussão sobre Arte e HIV em um bate-papo mediado pelo ator e dramaturgo Ronaldo Serruya.

Confira a programação completa: sescsp.org.br/contato.