GAY BLOG BR by SCRUFF

Acelino Popó Freitas participou recentemente do podcast No Flow e viralizou ao chamar seu filho Juan, de 21 anos, de “Minha b1ch0n4”. As informações são do O Dia.

“É a minha b1ch0n4. E, antes que venham me criticar, essa é a maneira carinhosa que eu chamo ele. É uma coisa que eu sempre falo, uma coisa minha e dele, a gente se zoa assim. Juan é inteligente demais, está cursando o quinto período de Medicina. Ele já me levou para boate gay, e outro dia brigou com o namorado e veio conversar comigo. Tenho muito orgulho do meu filho: médico, bonito e gay”. – comentou o pugilista.

Em outro momento, Popó também revela a possibilidade de seu filho ser adepto do sexo passivo: “Quando ele veio falar comigo da orientação sexual dele, eu disse: ‘meu filho, o ** é seu, você dá pra quem você quiser”.

Sobre sua própria sexualidade, ele diz que foi convidado por amigos a ir a uma boate destinada aos gays, e um homem estava paquerando-o. Só que ele esclareceu que é hétero “foice”: “Eu não sou nem facão, eu sou foice, que só mete um lado só”

POPÓ

Acelino Freitas nasceu numa família pobre, de um bairro da periferia da capital baiana, a Cidade Nova, localizado na região da Baixa de Quintas, filho de Niljalma Freitas e Zuleica. Recebeu da mãe o apelido com que tornou-se conhecido, Popó, em referência ao barulho que Acelino fazia quando mamava. Foi alfabetizado por uma vizinha de bairro Neuraci.

Seu pai era também pugilista, assim como três dos seus irmãos, dos quais Luís Cláudio foi quem mais o incentivou a também ingressar na profissão, o que fez já aos 14 anos de idade.

Até o primeiro título mundial, morava com os pais e irmãos naquele casebre, de 6,75 m², que tinha panos como divisórias. Com dois casamentos, e filhos com três mulheres diferentes, o baiano enfrentou no segundo (com Eliana Guimarães, filha do empresário André Guimarães) uma fase bastante difícil, que refletiu negativamente nos seus resultados sobre os ringues (causando sua primeira derrota na carreira) – a reconciliação veio habilitá-lo a novamente disputar um título, e vencer.

É pai de Rafael, Igor, Iago, Gustavo, Juan e Acelino Popó (Popozinho). Acelino é evangélico da Igreja Batista Caminho das Águas, em Salvador.

Seus treinamentos básicos são feitos na cidade natal, onde construiu um ginásio, voltado para a preparação de novos talentos. Mas, antes de cada luta, vai para os Estados Unidos, onde as instalações e materiais são muito mais apropriados.

Em abril de 2016, Popó integrou o elenco da primeira temporada reality show brasileiro da Rede Record Power Couple juntamente com sua esposa Emilene Juarez.

"Tenho orgulho do meu filho: médico, bonito e gay. É a minha bich0na", conta Popó de Freitas
Reprodução

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".