GAY BLOG BR by SCRUFF

No próximo sábado (12), a partir das 20h, a Casa Natura Musical recebe o “Ball Vera Verão 2022” realizado pela House of Zion e o Coletivo AMEM. Para essa quinta edição, o tema foi inspirado na frase da escritora estadunidense Alice Walker: “Tempos difíceis exigem danças furiosas. Cada um de nós é prova disso“. A entrada é gratuita e a inscrição para participar de cada categoria é feita no local, seguindo temas e especificações de cada uma.

Kiki Afrodiaspórica realizada na Casa Natural Musical em 2019 (Foto: Felipe Giubilei)

Antes de iniciar as apresentações, que contarão com 18 categorias que homenageiam pessoas pretas e trans, a cantora e poetisa paraibana Bixarte faz um pocket-show de abertura. A artista faz parte da cena ballroom em João Pessoa, na Paraíba.

“Reunir travestis, pessoas não-binárias, pessoas pretas, a comunidade LGBTQIAP+ dentro de um evento como esse e com um show meu é reafirmar que estamos em um processo de descolonização e de empoderamento do nosso povo enquanto quilombo e não mais como senzala. A gente está se reunindo não mais para sentir dor, e sim, para festejar e comemorar nossa vida, e nossa vida em abundância”, pontua Bixarte.

Bixarte (Foto: Pedro Bayeux)

Segundo a organização, o “Ball Vera Verão 2022” também tem a intenção de celebrar as vidas de pessoas negras, LGBTQIAP+, latinas e periféricas, que, com grande criatividade e uma dança furiosa, resistem às muitas formas de extermínio por meio da Cultura Ballroom. Este é o quinto ano da iniciativa, que já faz parte do calendário cultural de São Paulo.

O ballroom é formado por categorias de dança, beleza e outras quesitos comportamentais, apresentando performances cheias de vigor e originalidade. A história da Cultura Ballroom remete às drag balls (bailes drags) que aconteciam desde o início do século XIX (1842-1869). Mas a comunidade dessa cena surge só no final da década de 1960-1970, com as criações das houses nas periferias de Nova York.

Kiki Afrodiaspórica realizada na Casa Natural Musical em 2019 (Foto: Felipe Giubilei)

Homenagem à Vera Verão

O nome Vera Verão no evento é em homenagem a Jorge Lafond, que deu vida à drag queen preta mais popular da televisão brasileira. “Esta personagem é, para nós, um ícone de visibilidade e representatividade da identidade negra LGBTQIA+ na cultura popular brasileira. Ajudou a construir imaginários e abrir caminhos para corpos diversos na sociedade. A ball busca fugir de estereótipos que caricaturam a existência dessas identidades, e dá a oportunidade de ressignificar memórias e experiências através da performance“, explica Flip Couto idealizador do Coletivo AMEM, membro da House of Zion e legendary na cena Kiki Ballroom.

Além disso, Flip salienta a importância do ball e deste tema no momento histórico que o país vive: “O Ballroom é formado por pessoas que sempre tiveram seus corpos atravessados por múltiplas violências, e que sempre resistiram com arte, irreverência e inovação. Dentro do Ball, celebramos nossas vidas e esses corpos que historicamente são exterminados. Abrir o ano com essa celebração é uma oportunidade de nos retroalimentarmos com a esperança e a energia que precisamos ter diariamente pra não sucumbir“.

Pajuball realizada na Casa Natural Musical em 2019 (Foto: Ana Catarina Duarte)

Serviço

Ball Vera Verão Furiosa 2022
Quando: 12 de março, sábado, a partir das 20h;
Onde: Casa Natura Musical – Rua Artur de Azevedo, 2134, Pinheiros, São Paulo;
Entrada Gratuita mediante retirada de ingresso pelo Sympla.

Programação
21h30 – Show de Abertura Bixarte;
22h30 – Ball Vera Verão Furiosa 2022 | “Tempos difíceis exigem uma dança furiosa”, Alice Walker;
23h15 – Categorias Abertas;




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista gaúcho formado na Universidade Franciscana (UFN) e Especialista em Estudos de Gênero pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)