GAY BLOG BR by SCRUFF

Enrique Diaz, 53, um dos destaques da novela “Amor de Mãe”, da TV Globo, como o carismático Durval, está em cartaz no Festival MixBrasil com o filme de temática LGBT “A Torre”, onde tem uma cena de nu frontal rodada em uma cachoeira. O festival acontece online até o próximo domingo.

No filme, Diaz é André, que está passando por uma crise em sua vida, lindando com culpa, perdas e novas realidades, ele decide se isolar em uma floresta, com medo de encarar sua situação. Envolto pelas forças da natureza e sonhos que o levam ao passado, ele é revisitado por sua juventude, sua ex-mulher e sua filha, sendo forçado a enfrentar os fantasmas que o perseguem antes que possa seguir em frente.

Reprodução
Divulgação
Divulgação
Divulgação

O filme é dirigido por Sérgio Borges e tem no elenco Caio Horowicz, que fez o filho de Hebe no cimema e na TV, e Maeve Jinkings (O Som ao Redor) e pode ser assistido neste link.

Caio Horowicz
Caio Horowicz – Divulgação

Carreira

Em 1985, Enrique Diaz, atuou no cinema pela primeira vez em Urubus e Papagaios. Começou na televisão em 1990, na novela Pantanal, da Rede Manchete. No mesmo ano, o ator foi para a Rede Globo, onde trabalhou em Desejo. O ator trabalhou ainda em Anos Rebeldes, Engraçadinha – Seus Amores e Seus Pecados, e Irmãos Coragem.

Em 2003, participou do elenco de Carandiru. Na lista de telenovelas, Enrique Díaz, trabalhou em Cordel Encantado e Cheias de Charme.

Diaz esteve ainda nas séries Auto da Compadecida, A Muralha, Felizes para Sempre?, Justiça, Onde Nascem os Fortes e O Mecanismo.




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista pela Universidade Federal de MS, foi repórter de economia e hoje, além de colaborar para o Gay Blog Br, é servidor público em Joinville (SC). Escreveu ''A Supremacia do Abandono'', livro disponível em amazon.com.br.