GAY BLOG BR by SCRUFF

This article is also available in: Español

Um ator pornô gay dos Estados Unidos, Michael Lucas, decidiu inovar e gravar cenas trajando o figurino que caracterizava o ativista de extrema-direita durante a invasão ao Capitólio ocorrida no dia 6 de janeiro.

Trechos da gravação com inspiração no psedoviking do Capitólio, estão no Twitter ator. Para quem já possui mais de 18 anos, basta clicar aqui, aqui e aqui.

Reprodução
Reprodução
Ator pornô gay grava cenas fantasiado de corno do Capitólio
Reprodução
https://gay.blog.br/noticias/ator-porno-grava-cenas-fantasiado-de-corno-do-capitolio-assista/
Reprodução

Já o extremista verdadeiro foi preso pelo FBI no dia 9 de janeiro. Segundo o jornal AZCentral, o FBI estava em contato com Angeli desde o dia 7, sendo que o próprio ativista pró-Trump procurou espontaneamente as autoridades para confirmar que o homem das imagens era ele mesmo. Angeli foi acusado de entrar em área restrita, de modo violento, e apresentando um comportamento desordeiro no Capitólio.

Vale dizer que, além de ser conhecido como “viking do Capitólio”, ele é defensor do QAnon, que é uma teoria da conspiração que diz que o ex-presidente dos Estados Unidos está lutando contra pedófilos democratas adoradores de Satanás.

Vocalista do Jamiroquai nega relação com manifestante no Capitólio

O vocalista da banda Jamiroquai, Jay Kay (51), negou ser o homem de peito nu, chapéu de pele e chifres que apareceu nas imagens dos apoiadores de Trump que invadiram o Capitólio dos Estados Unidos no último dia 6 de janeiro. A informação veio de um vídeo que ele postou no Twitter.

“Bom dia, Washington, amei o chapéu, mas não sei se essa é minha galera. Alguns de vocês podem pensar que me viram em Washington à noite, mas receio que não estava com todos aqueles malucos” – disse.

O homem com quem Kay foi confundido se chama Jake Angeli, segundo a imprensa norte-americano, sendo um membro do movimento de extrema direita QAnon conhecido como “Lobo de Yellowstone”. Ele chamou a atenção do mundo inteiro por estar com o rosto pintado de azul, vermelho e branco, e com uma tatuagem sobre o peito e uma bandeira dos Estados Unidos na mão.

Jake Angeli
Jake Angeli, que invadiu Capitolio – Reprodução

Kay também já se manifestou diversas vezes ser contrário ao Donald Trump e também ao Jair Bolsonaro. Em 2019, ele disse no Instagram: “Nós sabemos que você é um grande trapaceiro, e você ama seu trapaceiro de mer** Donald, mas, por favor, bote o mundo em primeiro lugar antes da sua riqueza” disse, se dirigindo ao Bolsonaro, na época das queimadas na Amazônia.

Meme que circulou nas redes sociais – Reprodução

A semelhança entre ambos acabou rendendo alguns memes na internet, sendo um dos mais notáveis a comparação entre a música do Jamiroquai, “Virtual Insanity” (“Insanidade Virtual”), com os dizeres “Actual Insanity” (“Insanidade de Verdade”) como visto no tweet acima.

Vale mencionar que a banda, que iniciou suas atividades em 1992, vendeu cerca de cinco milhões de álbuns, sendo que o primeiro deles, “Emergency On Planet Earth” (de 1993), foi o que teve maior número de vendas no menor tempo. Em 1997, eles ganharam o primeiro Grammy pela já citada “Virtual Insanity”. O último álbum foi lançado em 2017 e se chama Automaton, recebendo boas notas da crítica.

Vocalista do Jamiroquai nega relação com manifestante no Capitólio
Reprodução

This article is also available in: Español

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".

1 COMENTÁRIO